Espanha pode aprovar licença de até três dias para pessoas que sofrem com 'menstruação dolorosa'

Enquanto isso, homens cis usam as redes sociais para publicar absurdos sobre o tema.

BuzzShe

A Espanha pode se tornar o primeiro país da Europa a garantir que mulheres que sofrem de dores graves durante o período menstrual tenham direito a licença médica do trabalho de até três dias.

J_art/ Gey Images

A medida faz parte de um projeto de lei que deve ser encaminhado ao Executivo espanhol para aprovação na próxima semana.

Montagem de capa: Alexander Spatari/ Getty Images e Peter Dazeley/ Getty Images

As licenças menstruais já são reconhecidas em alguns outros poucos países, entre eles Japão, Taiwan, Indonésia, Coreia do Sul e Zâmbia.

Carol Yepes/ Getty Images

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Veja também