Arthur Aguiar rebate Lula sobre uso de robôs no “BBB 22”: “Devo ter feito barulho, até o ex-presidente foi falar sobre mim”

Campeão do reality nega uso de perfis inautênticos em votação, mas silencia sobre robôs na torcida.

Um dia depois que o ex-presidente Lula fez comentários sobre o uso de robôs nas votações do "Big Brother Brasil", o campeão do "BBB 22" negou ter usado o recuso em sua estratégia para vencer o reality global. Ainda sem ter conhecimento de toda a repercussão de sua permanência no programa, Arthur Aguiar ironizou a fala do político: “Devo ter feito barulho, até o ex-presidente foi falar sobre mim”.

Arthur Aguiar, campeão do BBB 22, posa segurando coroa
Arthur Aguiar, campeão do BBB 22, posa segurando coroa

Divulgação/TV Globo

Em coletiva online promovida pela TV Globo com jornalistas de todo o país, realizada na manhã desta quarta-feira, 27/4, Arthur atribuiu as suposições sobre o uso de perfis inautênticos aos críticos de sua trajetória no programa. “O que eu vejo é que não é o primeiro ano em que as pessoas falam sobre isso, que quem tá na frente, quem ganha teve robô, que robô votou, que teve ajuda de sei lá quem pra ganhar…! Eu acho que quem tá na frente, sempre tentam criar alguma teoria pra minimizar ou até, às vezes, desmerecer”, afirmou.

A final que consagrou o ator recebeu mais de 750 milhões de votos. Destes, 68,96% foram para Arthur. As teorias sobre o uso de robôs na torcida da chamada "padaria" começaram a ganhar força nas últimas semanas, com o recrudescimento do comportamento de alguns dos perfis que, supostamente, seriam de fãs do ex-Rebelde.

Especialistas em data science chegaram a afirmar que muitos usuários do fandom eram, na verdade, bots programados para defender o marido de Maira Cardi nas redes sociais.

Sem comentar sobre a presença e a atuação dos bots em redes como o Twitter, o campeão negou o uso do recurso nas votações do programa. “Eu acho que a TV Globo é uma empresa gigantesca, que com certeza tem milhões de sistemas de defesa contra tudo isso, e acho que a TV Globo pode falar melhor do que eu. Acho muito difícil isso passar, isso ter algum efeito e realmente fazer uma pessoa ser campeã do programa. Posso falar por mim, pela minha parte, pela minha equipe, pelas pessoas que estão comigo, que isso aí não faz o menor sentido”, disse.

Reprodução/Globo

Publicidade

Sorridente e ainda sem dormir depois da vitória, Arthur também afirmou que as suposições sobre o uso de robôs foram criadas para desmerecer sua vitória: “Eu passei por isso o programa todo, tá? As pessoas passaram desmerecendo vários feitos meus no programa. Eu ia no paredão, saía, e não era sobre mim, era sobre a pessoa. No segundo, no terceiro, no quarto…fui com a Jade, ninguém me deu mérito de ter voltado do paredão com a Jade. ‘Ah, a Jade falou alguma coisa e precisou sair’. E aí eu fui pro falso, também não conta, e aí eu ganhei e ‘tinha robô votando’. Eu passei por isso o tempo inteiro, as pessoas tentaram desmerecer qualquer vitória que eu tinha ali”, finalizou.

Veja também