"BBB 22" tem fila de espera de 80 anunciantes

Reality tem estreia marcada para 17 de janeiro.

Antes mesmo da estreia, o "BBB 22" é um sucesso. Internamente, o reality show é considerado um fenômeno comercial.

Tadeu Schmidt
Tadeu Schmidt

Divulgação/Globo

O programa, que será comandado por Tadeu Schmidt, já teve todas as cotas de patrocínio vendidas meses antes da estreia no maior plano comercial de sua história.

Americanas, Avon e PicPay compraram as cotas "Big", as mais valiosas: R$ 91,9 milhões cada. C&A, Heineken, P&G e Seara serão os patrocinadores das cotas "Anjo", a segunda linha de patrocinadores, de R$ 69,4 milhões cada. Na categoria "Brother", negociadas por R$ 11,8 milhões cada, estão Above, Engov, McDonald's e Quinto Andar.

O Buzzfeed Brasil apurou que há ainda uma fila de 80 empresas interessadas em colocar suas marcas em algum momento dos três meses de reality show. Nos próximos dias, a Globo deverá fazer uma espécie de "sorteio", ou melhor, avaliação, para ver se consegue criar novos espaços publicitários para algumas delas.

Publicidade

Nessa sexta-feira (7), Boninho deu novas dicas de nomes dos participantes no Instagram.

Uma delas diz: "Poderia estar na Broadway". Você que leu o Buzzfeed Brasil já pode imaginar que estamos falando de Tiago Abravanel, não é mesmo?

O "BBB 22" tem estreia prevista para 17 de janeiro.

Publicidade

Veja também