19 cenas de Sarah Paulson em 'American Horror Story' que provam seu supremo talento

Ela é a única Suprema possível.

Quando você pensa na série "American Horror Story", de qual membro do elenco se lembra primeiro? Para mim, é a Sarah Paulson, e aposto que você também!

FX / Via giphy.com

Com personagens como a obstinada Lana Winters, a atenciosa Cordelia Goode e a dramática Audrey Tindall, a atriz mostra sua versatilidade e seu profissionalismo!

Depois de nove temporadas retratando os personagens mais icônicos da série antológica, recentemente, Paulson foi entrevistada por Andy Cohen e contou a ele que a sua última participação em "AHS" pode ser na 10ª temporada.

"É provável que essa seja minha última temporada em 'American Horror Story'. Não sei. Toda vez que Ryan Murphy aparece com uma personagem esquisita, eu digo: 'Sim, vamos!'. Não sei. Essa é a primeira vez, então veremos", afirmou a atriz.

Publicidade

Com "Ratched" e "American Crime Story", não precisamos nos preocupar com a saída da atriz do universo Ryan Murphy tão cedo. Mas isso não significa que não vamos sentir saudades da sua sempre maravilhosa atuação em "American Horror Story".

CBS / Via giphy.com

Então, em honra ao excelente trabalho de Sarah Paulson, vamos revisitar seus melhores momentos em "American Horror Story"!

Publicidade

1. Quando Billie Dean visita a Murder House.

Billie Dean em "Murder House"
Billie Dean em "Murder House"

"Tem muita dor aqui. Tanto desejo e ressentimento. Medo. Tristeza. Culpa."

FX / Via netflix.com

Billie Dean faz alguns dos melhores comentários da série ("os mortos podem guardar mais rancor do que a maior parte dos escorpianos"), mas não tem uma pegada muito emotiva. Neste momento, ela usa o dom como médium para sentir o que aconteceu na tragédia de Murder House e percebe que Violet já está morta.

Em qual episódio acontece: 1ª temporada, 11º episódio

2. Quando Lana mostra o dedo para Bloody Face.

FX / Via tenor.com

Ouso dizer que esse foi o momento mais épico de Sarah Paulson em "American Horror Story". Thredson estava pedindo... Depois de ser testemunha de primeira mão de todos seus terríveis atos, Lana (uma das melhores personagens de "AHS", e ponto final) consegue gravar o vilão se incriminando e fugir de Briarcliff.

Em qual episódio acontece: 2ª temporada, 11º episódio

Publicidade

3. Quando Lana atira em Thredson.

Lana kills Thredson
Lana kills Thredson

"Ir para a cadeia seria bom demais para você."

FX / Via netflix.com

Thredson é um dos vilões mais aterrorizantes de "American Horror Story". O principal motivo disse é que o seu comportamento calmo esconde o seu passatempo nojento de abusar de mulheres e fazer abajures com suas peles. Ver Lana matá-lo de uma vez por todas é muito satisfatório, principalmente depois de vê-lo torturá-la daquela forma.

Em qual episódio acontece: 2ª temporada, 11º episódio

4. Quando Lana mata seu próprio filho.

Lana shoots her son
Lana shoots her son

FX / Via netflix.com

A cena em que Lana mata Thredson é muito intensa, mas esse momento aumenta ainda mais essa intensidade. Tudo em "Asylum" é de arrepiar, desde o ângulo levemente inclinado da câmera até a tensão palpável entre Paulson e Dylan McDermott. 

Em qual episódio acontece: 2ª temporada, 13º episódio

Publicidade

5. Quando Cordelia desenvolve um tipo diferente de visão depois de ficar cega.

Cordelia in sunglasses
Cordelia in sunglasses

FX / Via netflix.com

Cordelia Goode costumava ser uma moça tímida que andava pela estufa, mas se transforma em uma mulher durona que, infelizmente, vê seu marido a trair com seu novo dom da visão.

Em qual episódio acontece: 3ª temporada, 6º episódio

6. Quando Cordelia dá facadas em seus próprios olhos.

Cordelia about to take her eyes out
Cordelia about to take her eyes out

FX / Via netflix.com

Depois que o conselho lhe concede sua visão de volta, os poderes de Cordelia enfraquecem. Em uma tentativa desesperada, ela arranca os próprios olhos com uma tesoura de jardineiro. O momento é nojento e chocante e mostra como "AHS" é horripilante.

Em qual episódio acontece: 3ª temporada, 11º episódio

Publicidade

7. Quando Fiona morre nos braços de Cordelia, fazendo com que ela se torne a nova Suprema.

Fiona dies
Fiona dies

FX / Via netflix.com

Quando Fiona morre, ela e Cordelia esclarecem as coisas: Fiona explica que sentiu sua mortalidade no momento em que deu a luz à filha. Ela implora para que Cordelia acabe com sua vida, mas ela se nega e diz à mãe que deve enfrentar seu medo de morrer sozinha. A troca entre Paulson e Jessica Lange é incrível nesta cena.

Em qual episódio acontece: 3ª temporada, 13º episódio

8. Quando Cordelia dirige-se à nova Corte da Academia Robichaux no fim de "Coven".

Cordelia addresses new cohort
Cordelia addresses new cohort

"Ao olhar para seus rostos, todos lindos e perfeitos, sei que, juntas, podemos fazer mais do que sobreviver. É nosso momento de crescer."

FX / Via netflix.com

Amo ver Cordelia fazer o que ela faz melhor quando se torna Suprema: inspirar as novas bruxas a usar seus poderes coletivos!

Em qual episódio acontece: 3ª temporada, 13º episódio

Publicidade

9. Quando Dot e Bette cantam "Criminal", de Fiona Apple.

"Fui uma menina má"

FX / Via pinterest.com

Você pode se perguntar por que Paulson está interpretando gêmeas siamesas e cantando uma música da Fiona Apple, mas é só Ryan Murphy sendo Ryan Murphy. Ela canta muito bem, e é uma cena divertida.

Em qual episódio acontece: 4ª temporada, 2º episódio

10. Quando Sally força Gabriel a dizer "eu te amo, Sally".

"Diga 'eu te amo, Sally'."

FX / Via tumblr.com

Apavorante. E ainda mais apavorante é o que ela faz com ele depois (no caso, ela costura Gabriel à cama).

Em qual episódio acontece: 5ª temporada, 1º episódio

Publicidade

11. Quando Sally explica a James March qual é o sentido de estar morta...

Sally talks about the point of being dead
Sally talks about the point of being dead

"O sentido de estar morto é que não existem mais regras."

FX / Via netflix.com

Enquanto recebe um aviso severo de James March, Sally explode e explica que o ponto de estar morto é que não há regras. Ela não se importa se vai mandá-lo para o inferno, porque "não pode ser pior do que aqui". É um momento arrepiante e existencial que demonstra a realidade vazia da personagem, mesmo que a temporada "Hotel" seja um pouco confusa como um todo.

Em qual episódio acontece: 5ª temporada, 12º episódio

12. Quando Sally entra nas redes sociais...

FX / Via c.tenor.com

Eu sei, parece uma reviravolta muito ridícula e um final estranhamente feliz! E não é que todos nós viramos uma versão do meme da Sally? Vivendo um dia de cada vez, um post de cada vez.

Em qual episódio acontece: 5ª temporada, 12º episódio

Publicidade

13. Quando ela grita "meu deus, pobre Shelby" dramaticamente com sotaque britânico.

"Sinto como se parte de mim tivesse morrido com ela!"

FX / Via weheartit.com

Resumindo, as pessoas reais que experienciaram os acontecimentos de Roanoke e os atores que os interpretam retornam à Casa Roanoke, e acontece um momento de desequilíbrio quando Paulson e a atriz que interpreta Shelby, Audrey Tindall, surta após a morte de Shelby. Como os fãs astutos apontaram, Audrey fala MUITAS VEZES "oh, meu deus" na temporada 6... Mas essa deve ser a ocasião mais forte e engraçada.

Em qual episódio acontece: 6ª temporada, 8º episódio

14. Quando os palhaços bizarros seguem Ally no supermercado.

FX / Via giphy.com

O que eu posso dizer? Paulson é uma rainha do grito nata (e nós não precisamos ver todas as vezes que o seu dom é colocado em uso no "The Ellen DeGeneres Show").

Em qual episódio acontece: 7ª temporada, 1º episódio

Publicidade

15. Quando Ally mata Ivy a sangue frio.

FX / Via tumblr.com

Sentindo-se traída por Ivy, Ally decide envenenar a esposa. Logo antes de Ivy morrer, Ally diz: "Só quero duas coisas nessa vida: quero Oz só para mim e quero ver você morrer". EITA.

Em qual episódio aparece: 7ª temporada, 9º episódio

16. Quando Ally fala "mulher mesquinha" em "Cult".

"Você estava errado. Existe algo mais perigoso neste mundo do que um homem humilhado. Uma mulher mesquinha."

FX / Via netflix.com

Ok, esta fala (que se refere a uma vez que Donald Trump chamou Hillary Clinton de "mulher mesquinha") poderia ser super cringe, e talvez seja, mas Sarah Paulson fez funcionar. Nossa anti-heroína rainha é suprema (literalmente *foi* uma Suprema em "Coven"...)!

Em qual episódio acontece: 7ª temporada, 11º episódio

Publicidade

17. Quando somos apresentados a Wilhemina Venable em "Apocalypse".

"Vocês vão se referir a mim somente por Sra. Venable."

FX / Via tumblr.com

Depois de oito temporadas de "AHS", você poderia pensar que não sobraram muitos personagens que Paulson poderia interpretar antes de virar uma atriz estereotipada, que só faz o mesmo papel, mas Wilhemina Venable, líder do Posto Avançado 3, é diferente de todos seus outros personagens da série. Quando ela leva Emily e Timothy a uma tour do posto, podemos sentir quem é a Sra. Venable. É uma mulher muito austera e muito rígida sobre não deixar os residentes fazerem sexo no local. Ela é RH, caralh*.

Em qual episódio acontece: 8ª temporada, 1º episódio

18. Quando Karen xinga Harry no supermercado.

"Saia daqui, caralho"

FX / Via giphy.com

Sim, esse momento de "Double Feature" é ridiculamente exagerado, mas Paulson coloca toda sua alma na cena ao interpretar TB Karen, então só conseguimos aclamar a atriz. Além disso, Harry deveria ter ouvido os seus conselhos!

Em qual episódio acontece: 10ª temporada, 1º episódio

Publicidade

19. Quando Karen mata Mickey... mordendo o seu pescoço.

Karen smiles at Mickey then kills him
Karen smiles at Mickey then kills him

FX / Via hulu.com

Karen está completamente fora de si depois de tomar a pílula preta e, em uma reviravolta chocante, mata Mickey de uma forma grotesca. Aposto que você não esperava isso.

Em qual episódio acontece: 10ª temporada, 5º episódio

Quais são seus momentos favoritos de Sarah Paulson em "American Horror Story"?

FX / Via c.tenor.com

Publicidade

Este post foi traduzido do inglês.

Veja também