Milhares de polonesas saíram às ruas para defender seu direito ao aborto

Projeto de lei visa limitar ainda mais o acesso ao procedimento, só autorizado no país em casos de estupro, incesto, anomalias fetais graves ou se a vida da mãe estiver em risco.

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Para Donadio, a comoção internacional faz sentido. "Eu acredito que a situação na Polônia é extremamente assustadora, mas não um fato isolado. Estamos vendo ataques constantes aos direitos das mulheres por toda a Europa e também ao redor do mundo", disse ela.

Janek Skarzynski / AFP / Getty Images

"Há uma onda conservadora crescente que busca oprimir as mulheres, violar seus direitos e minar sua autonomia."

Publicidade

Publicidade

Veja também