17 músicas que falam sobre a cidade de São Paulo

Do punk ao funk.

Divulgação/Instagram

A cantora Alt Niss e os Racionais MC's.

A terra da garoa faz 467 anos nesta segunda (25), então, selecionamos 17 músicas, do punk ao funk, que falam sobre a cidade. Aproveite.

Publicidade

1. Racionais MC's - Da Ponte pra Cá

Com mais de 30 anos de carreira, os Racionais MC's nunca perderam o posto de maior nome do rap nacional. Não à toa, eles mostram mais do que qualquer outro artista o lado de São Paulo que sempre foi ignorado. Para quem gosta ou não gosta de rap, este som é um clássico e não tem discussão.

2. Luiza Lian - Iarinhas

A paulistana Luiza Lian convoca todas as sereias Iara que navegam pelas enchentes da cidade. Este som é uma joia.

Publicidade

3. Criolo - Não existe amor em SP

A ideia era que esta lista não tivesse grandes clichês, mas daí o Criolo foi lá e, em 2011, criou um clássico apaixonante.

4. Paulo Vanzolini - Samba Triste

Quem tem menos de 30 anos talvez nunca nem ouviu falar sobre Paulo Vanzolini, mas aqui vai a letra: se tem um cara que fez MUITOS sambas sobre a cidade de São Paulo foi ele.

Publicidade

5. Cólera - Vivo na Cidade

Se você nunca escutou um punk rock na sua vida, taí uma grande oportunidade. O Cólera foi uma das primeiras bandas punks do Brasil.

6. Alt Niss - Zona Sul 89

Levando mais representatividade pro rap nacional, Alt Niss canta sobre o sonho de algumas meninas mais novas da região sul da cidade neste sonzasso: "Se eu for pra essas mina um espelho, eu venci / Se eu for o que eu não tive na vila, eu venci / Na Vila Joaniza tem várias de mim / Pensando: "Olha a Ludmilla, eu quero ser assim!"

Publicidade

7. Rita Lee - Lá vou eu

Nascida na Vila Mariana, zona sul de São Paulo, Rita Lee é nossa roqueira eterna e extremamente paulistana no sotaque e no jeito de viver. Viva Rita.

8. Ogi - Estação da Luz

Neste som, o rapper Rodrigo Ogi narra uma volta alucicrazy pelo centro da cidade de São Paulo, que, quem conhece, pode atestar: é uma das regiões mais surreais do mundo.

Publicidade

9. Supla - São Paulo

Nesta canção o Papito nos presenteia com sua biografia: "Eu saí fora só pra dar um tempo / Não te esqueci por nenhum momento / [...] E pra São Paulo eu quero voltar / Chega de morar nos USA".

10. Ronnie Cord - Rua Augusta

E vamos de clássico da jovem guarda.

Publicidade

11. Tom Zé - Augusta, Consolação e Angélica

Tom Zé é um baiano que mora em São Paulo e, dentre as tantas músicas geniais que compôs, tem esta pérola falando sobre três mulheres com nome de ruas da terra da garoa.

12. Itamar Assumpção - Sampa Midgnight

Se a Avenida Paulista é mesmo o coração da cidade, Itamar Assumpção narra um episódio único enquanto caminha pela região favorita dos turistas: "Deu blackout na Paulista / Breu no Trianon / Cadê o vão do museu? Sumiu / Meu Deus do céu / Que escuridão".

Publicidade

13. Rincon Sapiência - Tem que tá veno

Nascido na Zona Leste, Rincon brinca com a arte e com a cidade que nunca dorme neste som: "Falo pouco, observo muito / Monalisa / SP é a cidade que não paralisa".

14. Kiko Dinucci - Febre do Rato

Este som do paulistano Kiko Dinucci conta a história de um sujeito que desceu do busão na Avenida Celso Garcia, na região do Brás, centro da cidade, e vomitou na calçada. A partir daí, muita coisa acontece e, pra saber, você tem que ouvir.

Publicidade

15. Mc João - Baile de Favela

O funk paulistano já tava estourando quando este som chegou em 2015 como uma cereja no topo de um bolo.

16. Negritude Jr. - Cohab City

Um clássico do pagode. Um clássico extremamente paulistano.

Publicidade

17. Sabotage - No Brooklin

Sabotage morreu jovem, mas deixou um legado enorme com sua obra, sempre enfatizando a Favela do Canão, onde morava, e o bairro do Brooklin: "Zona sul, no Brooklin aprendi viver / E o respeito de um por um faz a paz prevalecer".