Atores que foram excluídos ou tiveram tretas com colegas de elenco

Nem tudo são flores.

A gente adora ver atores que se tornam uma verdadeira família nos sets de de filmagem, mas infelizmente, isso nem sempre acontece.

sarahhindsgaul / instagram.com

Às vezes, tem alguma treta entre os colegas de elenco, alguém que não se dá muito bem com outras pessoas da equipe ou até mesmo alguém que se sente excluído...

leighton meester and blake lively in gossip girl labeled "BFFs onscreen, but definitely not IRL"
leighton meester and blake lively in gossip girl labeled "BFFs onscreen, but definitely not IRL"

Kristin Callahan/Everett Collection

"Melhores amigas nas telas, mas definitivamente não na vida real"

Publicidade

Aqui temos x atores que têm ou tiveram algum tipo de treta com seus colegas:

1. Olivia Munn se sentiu excluída pelo diretor de "O Predador", Shane Black, e por seus colegas depois de pedir que Steven Wilder Striegel fosse retirado do filme por ter ocorrências registradas de violência sexual.

Munn in the film
Munn in the film

Kimberly French. / 20th Century Fox Film / courtesy Everett Collection

Em 2010, Striegel, que é amigo do diretor e participou de alguns de seus filmes, foi considerado culpado após tentar convencer uma garota de 14 anos a transar com ele. Munn disse que reclamou de sua presença e que ninguém agiu de imediato, então ela teve que fazer outra reclamação e falou, "eu não seria moralmente capaz de apoiar este filme com este cara junto."


Publicidade

A cena de Striegel foi retirada, mas quando Munn participou de uma entrevista para o The Hollywood Reporter no Festival Internacional de Cinema de Toronto, todo o elenco deveria estar presente, porém apenas um de seus colegas apareceu, Jacob Tremblay, que tinha 11 anos na época.

Munn and Tremblay
Munn and Tremblay

Taylor Hill / Getty Images

Munn disse que não teve contato com Black, o diretor, desde então. Keegan-Michael Key, que fez parte do elenco, disse que não estava disponível para a entrevista por conta de sua agenda familiar.


"É um sentimento de solidão, estar sentada ali sozinha quando eu deveria estar com o resto do elenco", ela disse. "Nós fazemos filmes, não fazemos parte da máfia. Não falei mal da nossa família. Esse cara não faz mais parte do filme. Eu tento fazer o que é certo e isso é tudo que posso fazer." Ela também disse à Vanity Fair, "Eu meio que sinto que sou eu que estou na cadeia. Mas não fui pra cadeia e não coloquei este cara no nosso set. Eu só fiz com que sua cena fosse deletada."

JA/Everett Collection

Publicidade

2. Keanu Reeves não foi excluído ou ignorado por seus colegas, mas se sentiu um pouco como um intruso no filme "47 Ronins".

Keanu in the film
Keanu in the film

Frank Connor/Universal Pictures/Courtesy Everett Collection

Ele era o único ator que não era Japonês e o único que não sabia falar a língua. Keanu disse que se sentiu como seu personagem, Kai, que também não se encaixava com nenhum grupo. "Apesar de todos serem muito legais comigo e termos nos dado muito bem, eu ainda não conseguia sair com eles por não falar Japonês, então de certa forma eu sempre fui Kai. Eu sabia falar 'bom dia' e 'prazer em te conhecer', essas coisas, mas eu não conseguia sair com eles mesmo."

Keanu with costars in the film
Keanu with costars in the film

Universal Pictures/Courtesy Everett Collection

Publicidade

3. O casal mais amado de "A Grande Família", Bebel e Agostinho. A dupla, que era interpretada por Pedro Cardoso e Guta Stresser, tinha muitos atritos nos bastidores. Em 2012, Pedro chegou a dizer que "aturava Guta há mais de 12 anos e a achava péssima atriz." Guta, por sua vez, disse que chegou a pensar em pedir demissão.

Pedro Cardoso ao lado de Guta Stresses
Pedro Cardoso ao lado de Guta Stresses

Reprodução / internet

Os dois fizeram as pazes em 2015, com um reencontro em um pizzaria!

4. Matt Damon, no entanto, foi excluído propositalmente por seus colegas de elenco em "O Resgate do Soldado Ryan". O diretor, Steven Spielberg, queria construir um senso de parceria entre os integrantes do filme e até fez com que fossem em um acampamento cansativo juntos, que durou dias. Todos exceto Matt Damon.

Damon in the film
Damon in the film

DreamWorks Pictures

Publicidade

"Os caras tavam lá com a cara na lama e eu tava, tipo, tomando um banho de banheira nos Estados Unidos", Damon disse. "Quando eu cheguei no set, muito desse ressentimento se fez presente no filme."

all the soldiers in saving private ryan, minus matt damon
all the soldiers in saving private ryan, minus matt damon

Dreamworks / Courtesy Everett Collection

5. Os fãs ficaram devastados quando Marisa Cooper morreu na terceira temporada de "O.C.: Um Estranho no Paraíso."

Fox

Publicidade

Bem, ano passado, Mischa Barton, que interpretou Marissa, revelou o que realmente aconteceu nos bastidores que a levou a querer sair da série. Ela disse que o bullying por parte dos homens era "muito m*rda" e que as coisas começaram a piorar quando Rachel Bilson foi promovida à personagem principal na segunda temporada. Barton foi dada a opção de sua personagem ou sair da série ou ser morta. Ela escolheu ser morta.

Mischa on a red carpet
Mischa on a red carpet

Amy Sussman / Getty Images

"Eu tenho muito carinho pela série, mas tem pessoas que agiram mal", Barton disse. "Então, eu não senti que conseguiria continuar lá... Sair me pareceu a melhor coisa a ser feita para minha saúde e por não me sentir protegida por meus colegas de elenco naquele momento."

the season 1 OC cast
the season 1 OC cast

Ray Mickshaw / WireImage via Getty Images

Barton não citou nomes dos homens que faziam bullying com ela. Suas colegas Rachel Bilson e Malinda Clarke dizem ter ficado confusas com seus relatos. Elas disseram que ficaram perplexas com suas histórias, mas que Barton estava sob muita pressão e falaram que estão abertas para conversar e entender melhor o que aconteceu.


Publicidade

6. Kathleen Turner disse que se sentiu excluída por seus colegas quando interpretou o pai de Chandler em "Friends".

kathleen on the show
kathleen on the show

Warner Bros. / Courtesy: Everett Collection

"Não me senti bem vinda pelo elenco", ela disse à Vulture. "Os atores de 'Friends' tinham muita química, não acho que minha experiência com eles tenha sido única. Acho que eles simplesmente eram um grupo tão próximo que ninguém fora disso importava."

friends season 1 cast
friends season 1 cast

Warner Bros. / Courtesy: Everett Collection

"Eu lembro que estava vestindo uma roupa pesada cheia de lantejoulas e meus saltos estavam me matando. Achei estranho que nenhum dos atores pensou em me oferecer um lugar para sentar," ela continuou.

Publicidade

7. Outra estrela convidada que não se sentiu bem-vinda foi Samantha Ware em "Glee". Mais especificamente pela estrela Lea Michele. "Eu soube no primeiro dia quando tentei me apresentar. Não foi sutil. Assim que ela decidiu que não gostava de mim, ficou bem claro," Ware disse à Variety. "Foi depois da minha primeira performance, foi aí que começou. O tratamento de silêncio, o olhar julgando, encarando, os comentários sussurrando, ela sendo passiva-agressiva. Tudo se acumulou."

Ware on the red carpet
Ware on the red carpet

Rodin Eckenroth / Getty Images

Lea também foi acusada de ameaçar o trabalho de Ware e cometer microagressões contra ela. Ware disse que parecia que as ações de Lea não eram novidade para ninguém e por isso todos só ignoraram o que estava acontecendo.

Os relatos foram apoiados pelas co-estrelas Alex Newell e Heather Morris. Amber riley também disse que ficou feliz por Ware ter se posicionado e que o set de "Glee" não era o ambiente de trabalho mais confortável.

Rachel on the show
Rachel on the show

Mike Yarish / Fox / Courtesy: Everett Collection

Naya Rivera também tinha problemas com Lea Michele, segundo seu livro. O ator Dabier Snell também disse que Lea falou que "ele não pertencia ali" quando tentou se sentar ao seu lado como convidado da série.

Publicidade

8. A estreia de Reynaldo Gianecchini em "Laços de Família" gerou repercussões que foram muito além de sua atuação. Ele interpretou Edu ao lado de Vera Fischer e Carolina Dieckmann.

Reynaldo Gianecchini
Reynaldo Gianecchini

Reprodução/Instagram

Ao ser entrevistado, Gianecchini afirmou que se dava muito bem com Vera e que não podia dizer o mesmo sobre Carol, "É engraçado falar que com a Carolina Dieckmann não foi exatamente assim. A gente teve uma faisquinha no começo, quase que o santo não bateu. Não da minha parte, claro, porque eu cheguei assim muito humilde, mas a Carolina..."

Reynaldo Gianecchini  e Carolina Dieckmann
Reynaldo Gianecchini  e Carolina Dieckmann

Reprodução/Internet

O ator continuou, "A gente, hoje em dia, é muito amigo, e já conversamos sobre isso e ela falou: É, no começo eu tinha uma resistência com você sim, eu não acreditava muito em você, achava que você não tinha experiência."

Publicidade

9. Houve relatos que Judy Garland se sentiu excluída por seus colegas de elenco no set de "O Mágico de Oz." De acordo com o livro de memórias de seu ex-marido, Sid Luft, ela era constantemente abusada pelos outros atores. Suft disse que eles colocavam as mãos por baixo do vestido de Garland.

Judy Garland in the film
Judy Garland in the film

MGM/Courtesy Everett Collection

Aparentemente, apenas Margaret Hamilton, que fazia a Bruxa Malvada do Leste, era gentil com Judy. Nenhum desses relatos foi oficializado e confirmado, mas é evidente que as duas tinham uma boa relação mesmo depois do filme.

Garland também foi a que menos recebeu por seu papel. Ela ganhava $500 por semana e os outros atores, como o Homem de Lata e o Espantalho, ganhavam de $2500 a $3000 por semana.

Dorothy labeled "500/week," the scarecrow labeled "3000/week," and the tin man and the lion labeled "3000/week" and "2500 a week" respectively
Dorothy labeled "500/week," the scarecrow labeled "3000/week," and the tin man and the lion labeled "3000/week" and "2500 a week" respectively

MGM / Courtesy Everett Collection

Publicidade

10. Janet Hubert, que interpretava a Tia Vivian em "Um Maluco no Pedaço", ficou conhecida por ser substituída na quarta temporada da série. Segundo Hubert, Will Smith foi o principal motivo dessa mudança. Os dois fizeram as pazes em 2020 quando Smith admitiu que "tornava o set um ambiente bem difícil" durante a terceira temporada, quando Huert estava grávida.

Hubert in the show
Hubert in the show

NBC / Courtesy Everett Collection

Hubert também disse que não estava muito bem na época e isso causou conflitos no set, mas ela disse que nunca deixou de ser profissional. "Eu só parei de falar com as pessoas porque não sabia em quem podia confiar. Foi difícil."

Smith and Hubert
Smith and Hubert

Chris Cuffaio / NBCU Photo Bank

No entanto, os dois já se resolveram, pediram desculpas e se abraçaram.

Publicidade

11. James Spader chegou bem no finalzinho da terceira temporada de "The Office" como novo CEO da Dunder Mifflin, mas saiu antes da nona e última temporada da série.

Spader on the show
Spader on the show

Ron Tom / NBC / Courtesy: Everett Collection

Por mais que seus colegas gostassem dele, Spader não se encaixou muito bem com o elenco e o estilo de atuação da série. Ele queria ensaiar o roteiro, algo que o elenco já não fazia há anos. Ele também não estava acostumado a improvisar e Rainn Wilson, que interpretou Dwight, disse que Spader é um ótimo ator apesar de "não se encaixar".

robert california touching meredith's cheek
robert california touching meredith's cheek

Chris Haston / NBC / Courtesy: Everett Collection

Publicidade

12. Não podemos confirmar que Jay Mohr estava falando de Jennifer Aniston, mas a revista Elle o perguntou sobre a interação mais bizarra que ele já teve com outra celebridade e ele respondeu, "estar no set de um filme onde a atriz principal não estava feliz com minha presença e deixou bem claro desde o primeiro dia. Eu não tinha feito muitos filmes e apesar da produção ter testado vários atores famosos, eu de alguma forma consegui o papel."

Jay Mohr on a red carpet
Jay Mohr on a red carpet

Stephen Shugerman / Getty Images

Quando o entrevistador sugeriu que "o único filme que se encaixaria nessa descrição seria 'Paixão de Ocasião' de 1997, com Jennifer Aniston", Mohr disse, "Eu nunca, jamais responderei isso." Então, acho que podemos deduzir de quem ele estava falando...

Mohr and Aniston in the film
Mohr and Aniston in the film

20th Century Fox / Courtesy Everett Collection

Publicidade

13. Não está claro se Shannen Doherty foi excluída pelo elenco de "Barrados no Baile", mas ela com certeza não estava feliz lá. De acordo com o produtor executivo, Charles Rosin, "Seus atrasos eram impressionantes, e ela tinha uma atitude indiferente e desrespeitosa. Ela claramente não estava feliz na série." Doherty negou chegar sempre atrasada, mas admitiu que estava infeliz.

Brenda in a press photo
Brenda in a press photo

Mario Casilli / TV Guide / Aaron Spelling Prod / courtesy Everett Collection

O produtor Aaron Spelling também disse, "Não é como se ela tivesse arruinado a série nem nada do tipo. Mas tudo isso incomodou muito o resto do elenco. Eu me lembro de eles me ligarem perguntando se eu não poderia fazer com que ela chegasse na hora. Um dia, ela chegou tão atrasada que Jason Priestley, que interpretava Brandon Walsh, disse, 'chega, para mim já deu.'"

Aaron Spelling Prod / Courtesy Everett Collection

Publicidade

Ele não era o único no elenco que estava frustrado com Doherty. Segundo Tori Spelling, Doherty e Jenni Garth tiveram uma briga e partiram para violência física. Doherty admitiu que "havia muita inveja mesquinha na série" e Spelling disse, "senti que era hora de ela ir embora. E o elenco também." Os atores se uniram e conseguiram que Doherty fosse demitida. Tori ligou para seu pai, Aaron Spelling, que acabou demitindo Doherty.

Garth, Spelling, and Doherty
Garth, Spelling, and Doherty

Aaron Spelling Prod. / Courtesy: Everett Collection

14. Doherty também fez parte de outro drama na TV, durante a produção da série "Jovens Bruxas". No entanto, desta vez ela não foi demitida. Quando a série começou, Doherty e uma das atrizes, Holly Marie combs, eram amigas próximas. A terceira atriz de "Jovens Bruxas", Alyssa Milano, parecia se dar bem com elas no início, porém há rumores que a tensão nas filmagens era tamanha que Doherty decidiu ir embora após a terceira temporada.

Doherty in a press photo
Doherty in a press photo

Fergus Greer / TV Guide / The WB Television Network / Courtesy Everett Collection

Publicidade

Milano falou sobre o drama no programa Watch What Happens Live With Andy Cohen, "eu não sei se ela foi demitida. nós nunca soubemos o que aconteceu. Posso te dizer que ficamos juntas no ar por três anos e com certeza havia dias difíceis. Holly e Shannen eram melhores amigas 10 anos antes da série começar, então era parecido com o ensino médio. Eu esperava que com 30 anos não fosse mais me sentir assim." Este relato sugere fortemente que ela não se sentia incluída pelas outras atrizes.

Milano in the show
Milano in the show

Richard Cartwright / The WB Television Network / Courtesy Everett Collection

Combs e Doherty, no entanto, disseram que o set não era nada parecido com o Ensino Médio. Combs disse, "éramos amigas às vezes sim e às vezes não," e. Doherty adicionou, "quando você trabalha assim tão de perto, sempre têm momentos mais difíceis." Dois anos depois, Milano disse que elas tinham feito as pazes e agora tinham uma relação cordial. Doherty disse que se responsabiliza pela tensão que tiveram."

the three sisters on the show
the three sisters on the show

Viacom / courtesy Everett Collection

Este não foi o único drama com Milano – Rose McGowan, que substituiu Doherty disse que Milano transformava o set de "Jovens Bruxas" em um ambiente tóxico.

Publicidade

15. Ficou óbvio que Kim Catrall não era fã do elenco de "Sex and The City", principalmente de Sarah Jessica Parker, quando a atriz não participou da repescagem da série. Porém, há rumores de brigas bem antes disso. Depois que Parker recebeu um salário maior por ser produtora executiva da série na segunda temporada da série original, Cattrall negociou um aumento. Integrantes da equipe e colegas de elenco não gostaram nem um pouco dessa atitude e nem se sentavam com Cattrall durante as refeições.

Cattrall on a red carpet
Cattrall on a red carpet

Kristin Callahan/Everett Collection

Cattrall também se sentou longe de colegas durante a cerimônia dos Emmys em 2004, dizendo que elas não eram "melhores amigas". Quando o segundo filme da franquia estava sendo produzido, a treta entre Cattrall e Parker parecia ter aumentado e elas não estavam mais se falando. Elas continuaram negando os rumores da briga, mas em 2017, Cattrall disse que ela nunca foi amiga de suas colegas e que "Parker poderia ter sido mais legal." Uma matéria do mesmo ano dizia que o elenco havia formado um grupo e excluído Cattrall há anos.

the cast in the second film
the cast in the second film

Craig Blankenhorn/Warner Bros. / courtesy Everett Collection

Publicidade

16. E por último, a saída de Isaiah Washington da série "Grey's Anatomy" ficou conhecida depois que o ator foi demitido por usar ofensas homofóbicas. No entanto, ele diz que sua demissão "foi planejada para cobrir o ambiente tóxico e o comportamento de seus colegas de série." Ele disse que não queriam que ele fizesse parte da série desde o início e que nem foi pago por seu teste.

Washington with Sandra Oh on the show
Washington with Sandra Oh on the show

Ron Tom / ABC / Courtesy Everett Collection

Segundo Washington, o que ele disse para Patrick Dmsey durante a briga foi, "Você não vai me sacanear, você não vai me tratar como uma v*dia e não vai me tratar como uma b*cha." Washington afirma que estava se referindo a si mesmo já que era ssim que o chamavam na escola para zoá-lo e provocá-lo. Porém, seus relatos foram tão confusos que as pessoas acham que ele usou o termo para fazer referência a seu colega de elenco, que é gay.

Durante a leitura de um episódio, o produtor e diretos, Peter Horton, disse: "Achei que tínhamos nos livrado de você" e Dempsey jogou as mãos para o alto como quem diz, "O que ele está fazendo aqui?" Isaiah disse que Dempsey chegou a falar, "Isaiah, você sabia que os homens brancos são os mestres do universo?" Isso, de acordo com Washington, teve a ver com a briga que os dois tiveram no set.

Dempsey and Washington on the show
Dempsey and Washington on the show

Karen Neal / ABC / courtesy Everett Collection

Washington também disse que Ellen Pompeo recebeu milhões de dólares para não se pronunciar sobre o comportamento de Dempsey no set durante o movimento #MeToo e disse que a atriz é racista. "Ela pensa que é muito legal com pessoas negras, mas não é."

Publicidade

Ficou surpreso com alguma dessas histórias? Quais são as outras tretas que precisamos saber? Conta pra gente nos comentários!

Veja também