10 frases que precisamos parar de falar para as meninas urgentemente

"Senta que nem mocinha".

As perguntas listadas e os motivos porque elas precisam ser repensadas foram elaboradas a partir de uma bate-papo virtual com Thais Pontes, Flávia Pegorin, Paula Danielle, Lisiane Drummond, Juliana Moraes, Ligia Fonseca, Vlad Maluf, Junior Milério, Natasha Madov, Juliana Tavares Leirião, Carina Martins, Natália Peixoto, Camila de Lira, Carlos Pupo, Andreza Emília, Marina Morena Costa, Thais Chassot, Cíntia Costa, Clarissa Cavalcante, Mônica Vidal, Ana Carolina Rizzo, Clarissa Paz, Natália Eiras, Ana Paula Xavier, Julia Furlan, Jessica Volpato, Deinha Ronqui, Mai Fujimoto, Larissa Drumond, Fernanda Aranda, Alicia Melo, Luiza Ribeiro, Adriana Fonseca, Diana Lavander, Mariana Cotrim, Melissa Sabella Harkin & as mães do grupo Buxixo de Mães -- todos filhas, mães, pais ou irmãos de meninas.

1. “Senta que nem mocinha”.

Reprodução / Via vimeo.com

Uma criança de três anos não precisa aprender a sentar "que nem mocinha" -- para começar, porque está longe de ser mocinha.

Publicidade

2. “Isso não é jeito de uma mocinha se comportar”.

Não existe uma única fórmula de como uma "mocinha" deve se comportar. E porque uma criança deveria aprendê-lo desde tão cedo?

3. “Mas seu irmão pode (jogar futebol/ brincar mais tempo na rua/ não ajudar nas tarefas domésticas) porque ele é homem!”

Reprodução / Via vimeo.com

Não há diferença em tarefas e brincadeiras: tanto meninos quanto meninas podem aprender a ajudar nas tarefas de casa, o que os tornará adultos mais autossuficientes e responsáveis, e se divertir jogando futebol.

Publicidade

4. “Isso é brincadeira de menino”.

O brinquedo ou a brincadeira usa os genitais para funcionar? Se não, não faz diferença se é para menino ou menina. Se usa, o brinquedo NÃO é para crianças.

5. “Que linda, já pode casar”.

Reprodução / Via vimeo.com

Como se esta fosse a única e/ou principal aspiração de uma menina.

Publicidade

6. "Desse jeito vai ficar para titia, hein".

Não se casar não é necessariamente uma punição. Inclusive, às vezes é uma opção.

7. "Com essas pernas cheias de roxos e ralados, parece um menino!"

Reprodução / Via vimeo.com

Não, tio, pareço uma criança.

Publicidade

8. “Menina não fala palavrão”.

Que tal usar "criança não fala palavrão"? Ou meninos podem?

9. “O que os outros vão pensar se virem você (descalça/ subindo em árvore/ brincando de carrinho/ usando boné)?”

Reprodução / Via meangirlgifs.tumblr.com

Que eu sou uma criança, ué.

Publicidade

10. “Azul não é cor de menina”.

Disney / Via fanpop.com

Qualquer cor é de menina. E de menino também.

Veja também:

Publicidade

Publicidade

Quer uma pele melhor com cuidados de apenas dez minutos por dia? Inscreva-se para o Desafio de 7 Dias Para Uma Pele Melhor!



Veja também