O antes e depois do "Castelo Rá-Tim-Bum" vai fazer você voltar no tempo

E eles ainda continuam amigos

Castelo Rá-Tim-Bum foi exibida originalmente entre 1994 e 1997. Ou seja, estreou há mais de 20 anos. E onde estão eles agora?

Mattel

Cassio Scapin, o Nino, continuou a carreira no teatro e é um ator muito respeitado. Também faz "Trair e Coçar, É Só Começar", no Multishow.

Divulgação/TV Cultura, Reprodução

Publicidade

Cinthya Rachel, a Biba, é jornalista e blogueira. Ela escreve sobre cabelo, maquiagem, viagem e receitas.

Divulgação/TV Cultura, Reprodução

Luciano Amaral, o Pedro, é especialista em games e apresentador do "Mok", na PlayTV.

Divulgação/TV Cultura, Reprodução

Publicidade

Fredy Állan, o Zequinha, virou um engajadíssimo ator de teatro e já trabalhou com Zé Celso.

Divulgação/TV Cultura, Reprodução

Ele continua trabalhando com Pascoal da Conceição, o Dr. Abobrinha.

Reprodução / Via facebook.com

Publicidade

E também é amigo do Cassio Scapin <3

Reprodução / Via facebook.com

Sergio Mamberti, o Doutor Vítor, ocupou cargos federais na Secretaria da Identidade e Diversidade Sexual e como diretor da Funarte durante os governos Lula.

Divulgação/TV Cultura, Divulgação

Publicidade

Rosi Campos, a Morgana, continua no teatro e na TV. Viveu a Mamuska em "Da Cor do Pecado" e, mais recentemente, é a mãe da protagonista na série "Lili a Ex".

Divulgação/TV Cultura, Reprodução

Ano passado, pela primeira vez a Morgana e o Nino se encontraram no palco: ela contracenou com Cássio Scapin em uma peça chamada "Terceiro Ato".

Mattel

Publicidade

Pascoal da Conceição, o Dr. Abobrinha, escapou de um assalto em março passado quando o bandido o reconheceu como o vilão do Castelo Rá-Tim-Bum. Recentemente, ele viveu novamente o escritor Mario de Andrade em um especial.

Divulgação/TV Cultura, Reprodução

Patricia Gaspar, a Caipora, é roteirista, atriz e diretora de teatro. Ano passado fez o papel de Graziele em "Chiquititas".

Divulgação/TV Cultura, Divulgação

Publicidade

Eduardo Silva, o Bongô, equilibrou por um tempo duas profissões: além de ator, trabalhou como professor de Biologia. Também fez peças com o Teatro do Ornitorrinco, em São Paulo.

Divulgação, Reprodução

Henrique Stroeter, o Perônio, esteve na versão nacional de "Carrossel" como pai do Jaime Palilo. Flavio de Souza, o Tíbio, também era co-criador e roteirista do Castelo. É autor, roteirista e ator.

Divulgação SBT, Reprodução, Reprodução

Publicidade

Ângela Dip, a Penélope, foi uma das criadoras da Terça Insana, espetáculo de humor em São Paulo, e continua no teatro. Também esteve em "Amor à Vida" e "Pé na Cova".

, Divulgação/TV Cultura

O Etevaldo, interpretado pelo ator Wagner Bello, morreu antes de terminar as gravações. A produção, então, chamou a atriz Siomara Schroder, amiga dele, para viver a Etcetera, irmã do Etevaldo, que avisava que o personagem tinha ido "brincar nas estrelas".

Publicidade

<3

Mattel

Veja também:

Publicidade

Publicidade