21 curiosidades aleatórias e incríveis que me deixaram impactado

Tigres e guepardos são obcecados pelo perfume masculino "Obsession", da Calvin Klein, e outras coisas nas quais você não vai acreditar.

1. A pessoa que cometeu o Crime do Tylenol nos Estados Unidos em 1982 nunca foi presa.

A woman removing tylenol from the shelf
A woman removing tylenol from the shelf
A tylenol bottle and capsule from the early 80s
A tylenol bottle and capsule from the early 80s

Bernard Bisson / Sygma via Getty Images, Bernard Bisson / Sygma via Getty Images

Em 1982, em Chicago, Mary Kellerman, de 12 anos, teve uma morte súbita e inesperada. Além dela, Adam Janus (27 anos), Stanley (25), seu irmão, e Theresa (19), sua cunhada, faleceram. Nos dias seguintes, mais pessoas se foram: Paula Prince (35), Mary McFarland (35) e Mary Reiner (27). Foi descoberto que todas as vítimas haviam ingerido uma dose letal de cianeto de potássio, ou seja, foram envenenadas, e a ligação entre todos os assassinatos causou pânico nacional: todos tinham tomado Tylenol.

Nas semanas seguintes, a Johnson & Johnson retirou toda publicidade e fez um extenso recall dos produto, conhecido como "o primeiro recall", o que custou mais de 100 milhões de dólares à empresa. O crime, no entanto, não foi cometido em escala nacional. Ele foi local — pelo menos é nisso que a polícia acredita. A conclusão final foi que alguém que estava na área da cidade conseguiu colocar as embalagens contaminadas nas prateleiras das farmácias e dos supermercados. Quase 40 anos depois, a explicação ainda é a única teoria. O caso continua sem resolução.

O Crime do Tylenol é o motivo pelo qual toda medicação passou a vir com uma proteção de alumínio e pelo qual as cápsulas que abrem não são mais o padrão da indústria.

2. Antes da professora de ensino médio Christa McAuliffe ser selecionada, a ideia original da NASA era chamar o Garibaldo pra missão desastrosa de 1986 em que a espaçonave "Challenger" explodiu 73 segundos depois da decolagem, causando a morte trágica dos sete membros da equipe.

Garibaldo posando com sua caixa de correspondência
Garibaldo posando com sua caixa de correspondência

Sesame Workshop / Courtesy Everett Collection

Em 2015, Caroll Spinney, o homem por trás do Garibaldo, escreveu uma matéria no jornal The Guardian e compartilhou a seguinte história:

"Uma vez, eu recebi uma carta da NASA me convidando para me juntar à missão de orbitar a Terra como o Garibaldo para incentivar as crianças a se interessarem pelo espaço sideral. No final das contas, não havia espaço suficiente na nave para o boneco, então fui substituído por uma professora. Em 1986, nós fizemos um intervalo nas gravações para assistir à decolagem e acabamos vendo a nave explodir. Os seis astronautas e a professora morreram, e nós ficamos lá, chorando."

Logo em seguida, a NASA fez uma declaração que confirmava a alegação de Caroll Spinney:

"Em 1984, a NASA criou um programa para selecionar professores, jornalistas, artistas e outras pessoas que poderiam trazer sua perspectiva única para a experiência humana na nave como um passageiro. Uma revisão de documentações antigas demonstrou que chegamos a conversar com os personagens de 'Vila Sésamo' a respeito de uma possível participação no voo, mas o plano nunca foi aprovado".

Depois do desastre, a NASA repensou muitos de seus programas e iniciativas e, por fim, decidiram encerrar este programa.

Publicidade

3. O primeiro vídeo foi publicado no YouTube no dia 24 de abril de 2005. O título é "Me at the zoo" ("Eu no zoológico"), e é um vídeo de 18 segundos de duração do co-fundador do site, Jawed Karim, curtindo o Zoológico de San Diego.

captura de tela do vídeo do Jawed Karim posando na frente da área dos elefantes
captura de tela do vídeo do Jawed Karim posando na frente da área dos elefantes

Jawed / Via youtube.com

Clique aqui para assistir ao vídeo.

4. Encélado, a sexta maior lua de Saturno, é um dos lugares com maior probabilidade de abrigar vida extraterrestre no nosso sistema solar.

superfície cheia de gelo de Encélado
superfície cheia de gelo de Encélado

NASA

Essa foto incrível de Encélado, capturada pelo satélite Cassini, mostra a sexta maior lua de Saturno, de um total de 82. Se ela caísse na Terra, caberia no Reino Unido.

Abaixo de uma camada de gelo, cuja grossura é de cerca de 40km, existe um vasto oceano com aproximadamente 10km de profundidade. A abundância de água de Encélado faz com que ela seja um dos lugares do sistema solar com maior probabilidade de encontrarmos vida.

Uma das coisas mais legais sobre essa lua é que, diferente da nossa, ela tem gêiseres gigantes. Ela lança constantemente água e gelo em órbita, o que contribui para a formação do icônico anel de Saturno.

Publicidade

5. Turistas não são permitidos na Ilha da Queimada Grande, também conhecida como Ilha das Cobras, porque existe uma grande chance das pessoas morrerem lá.

Snake island from the water, looking menacing
Snake island from the water, looking menacing
An overhead satellite view of snake island
An overhead satellite view of snake island

Leo Francini / Alamy Stock Photo, Google Maps

Essa linda ilha fica localizada junto à costa de São Paulo, mas não se engane. A ilha é um dos lugares mais perigosos do planeta devido a uma incrível alta concentração das cobras mais venenosas do mundo.

A Ilha da Queimada Grande é o lar de milhares de jararaca-ilhoas que, por coincidência, é uma espécie em extinção. E dizem que elas são especialmente agressivas. De acordo com a população local, muitos que colocaram os pés lá foram encontrados mortos, cobertos de picadas. Existe uma lenda de que um homem e sua família moraram lá por um curto período de tempo enquanto ele trabalhava no farol até que, supostamente, dezenas de cobras entraram determinadas pelas janelas da casa, matando todos que moravam lá.

6. Joseph Philippe Lemercier Laroche foi o único passageiro preto a morrer no Titanic. Ele e suas duas filhas, Simonne e Louise Laroche, eram as únicas três pessoas pretas no navio.

Família Laroche posando para um retrato
Família Laroche posando para um retrato

Zuri Swimmer / Alamy Stock Photo

Nascido e criado no Haiti, Laroche foi para a França aos 15 anos para estudar engenharia. Lá, conheceu sua esposa, Juliette Marie Louise Lafargue, e teve duas filhas, Simonne e Louise. Sem conseguir emprego na área devido ao racismo e ao preconceito, Joseph decidiu voltar ao Haiti com todo conhecimento que adquiriu, onde imaginou que estariam precisando de engenheiros. Esses motivos, além do fato de que Juliette estava grávida, foram o que o levaram a comprar passagens de segunda viagem naquela viagem amaldiçoada a Nova Iorque.

Na manhã do dia 15 de abril, depois do Titanic atingir o iceberg e ficar claro que o navio ia afundar, Joseph Laroche agiu de maneira rápida e decidida. No quarto onde estavam hospedados, encheu seus bolsos do casaco de dinheiro e joias e foi ao deck com sua família. Ele escoltou sua esposa e filha até os botes salva vidas, deu o casaco para Juliette e disse: "Leve isso com você, você vai precisar. Vou pegar outro bote. Fiquem com Deus. Vejo vocês em Nova Iorque". Essas foram as últimas palavras que falou para sua família.

Publicidade

7. Aqui vai uma curiosidade bem peculiar: aparentemente, alguns felinos de grande porte, como tigres e guepardos, são obcecados pelo perfume masculino "Obsession", da Calvin Klein.

A bottle of Obsession for men
A bottle of Obsession for men
A Cheetah
A Cheetah

Fiona Hanson - Pa Images / PA Images via Getty Images, Picture Alliance / dpa/picture alliance via Getty Images

Foram realizados diversos experimentos com diferentes aromas no Zoológico do Bronx, em Nova Iorque, e o perfume masculino "Obsession" foi o favorito disparado. Os felinos gostavam de cheirar, babavam e rolavam nele e desfrutavam muito a fragrância. Michelle Meyers, porta-voz de uma empresa que resgata tigres, afirmou em uma entrevista: "O aroma almiscarado provém de uma glândula nos mamíferos, deve ser por isso que os animais gostam tanto dele".

Cada espécie tem sua preferência. Dizem que as jaguatiricas, por exemplo, preferem o desodorante Axe. Sim, eu tô falando sério.

8. Nikola Tesla previu a invenção do smartphone em 1926.

Nikola Tesla jovem posando para retrato
Nikola Tesla jovem posando para retrato

Roger Viollet / Roger Viollet via Getty Images

Em uma entrevista realizada em 1926, Nikola Tesla fez inúmeras previsões sobre o futuro da tecnologia e falou como ele achava que iria revolucionar o mundo como o conhecemos. Nem todas as previsões se realizaram, mas uma, sim. Tesla descreveu com incrível quantidade de detalhes o que seria o smartphone atual:

"Quando uma rede sem fio for aplicada com perfeição, a Terra vai se transformar num grande cérebro, ou seja, tudo será transformado em partículas de um todo real e rítmico. Nós vamos conseguir nos comunicar instantaneamente, não importa a distância. Além disso, com a televisão e a telefonia, vamos conseguir ver e ouvir uns aos outros com perfeição, como se estivéssemos ao vivo, mesmo com distâncias de centenas de quilômetros. Os instrumentos com os quais vamos conseguir fazer isso serão bastante simples em comparação ao nosso telefone atual. As pessoas vão conseguir levá-los nos bolsos.

Nós vamos conseguir experienciar e ouvir eventos: assistir a nomeação de presidentes e campeonatos mundiais, a destruição de um terremoto e o terror de uma guerra, como se estivéssemos lá."

Publicidade

9. Dizem que 536 foi o pior ano da história da humanidade de que se tem registro.

nevoeiro
nevoeiro

Jhillphotography / Getty Images

Tá achando que 2020 foi ruim? De acordo com o historiador medieval Michael McCormick, acredita-se que 536 foi "o pior ano para estar vivo". Os efeitos foram tão devastadores e tiveram tão longo alcance que fizeram a Europa cair numa depressão econômica por mais de um século.

No início de 536, ocorreu uma erupção vulcânica gigantesca que mandou tanta cinza para a atmosfera que escureceu o céu de toda Europa, do Oriente Médio e da maior parte da Ásia por assombrosos 18 meses. O sol foi tão bloqueado que as temperaturas caíram — chegou a nevar no verão na China — as plantações de todo o continente morreram, e as pessoas começaram a morrer de fome.

Na época, ninguém sabia que a cinza vulcânica havia causado isso, então, além de ter de lidar com essa catástrofe, havia uma incerteza do que era e de onde vinha essa "névoa misteriosa", sem saber se ela iria embora algum dia.

10. O Poço Superprofundo de Kola, localizado na cidade de Murmansk, na Rússia, é o buraco mais fundo cavado por humanos.

uma tampa fechando o buraco, com sujeira ao redor
uma tampa fechando o buraco, com sujeira ao redor

Rakot13 / Wikipedia Creative Commons

Nos anos 1970, apenas para fins de experimentação, os soviéticos começaram a cavar um buraco. O objetivo era simples: ver a profundidade máxima que era possível atingir humanamente. Eles acabaram chegando a 12,1km — atingindo uma profundidade maior do que a parte mais profunda do oceano, a Fossa das Marianas, a 10,9km da superfície do Pacífico. Parece que a expectativa era ir além, mas a temperatura de 180ºc não permitiu.

A União Soviética teve fim oficialmente em dezembro de 1991, e eles pararam de cavar um pouco depois disso. Hoje em dia, a área está abandonada, e o buraco foi fechado (foto acima). Se ele parece pequeno, é porque tem uma largura de apenas 22,9cm.

Publicidade

11. Em 2020, Magawa, o rato, recebeu uma medalha de ouro por sua coragem e heroísmo.

Magawa usando uma mini-medalha de ouro no pescoço
Magawa usando uma mini-medalha de ouro no pescoço

PDSA / Cover Images / ASSOCIATED PRESS

Por cinco anos, Magawa, um rato africano gigante treinado para farejar minas terrestes, localizou 71 artefatos explosivos no Camboja. Apesar de seus valentes esforços, ainda há cerca de 6 milhões de minas terrestres que ainda não foram descobertas no sul da Ásia, mas cada uma conta.

Recentemente, Magawa, agora com sete anos, apareceu nas notícias porque seu tutor, Malen, anunciou que o ratinho está se aposentando, dizendo que devemos "respeitar suas necessidades".

Obrigado pelo seu serviço, Magawa.

12. O presidente Andrew Jackson guardou tanto queijo na Casa Branca que o cheiro permaneceu por muito tempo depois dele deixar o cargo.

A portrait of Andrew Jackson
A portrait of Andrew Jackson
A wheel of cheese
A wheel of cheese

Universal History Archive / Universal Images Group via Getty Images, Tim Ur / Getty Images/iStockphoto

Talvez esta seja a curiosidade mais estranha (e nojenta) que você já ouviu a respeito dos presidentes dos Estados Unidos.

A lenda diz que, durante o mandato de Andrew Jackson, um produtor de leite levou de presente para o presidente uma roda de queijo de 635kg. Não apenas Jackson aceitou o presente, como também o deixou envelhecer ao ar livre no hall de entrada da Casa Branca por DOIS ANOS.

E então, em 1837, fizeram uma festa de despedida para celebrar o final do segundo mandato do presidente, e ele decidiu que o queijo deveria fazer parte das festividades. Benjamin Perley Poore documentou o open-bar de queijo no livro "Perley’s Reminiscences of Sixty Years in the National Metropolis" (sem tradução para o português). Ele escreveu:

"Por horas, uma multidão de homens, mulheres e crianças atacaram o queijo, muitos levando pedaços grandes para casa. Quando começaram, o peso do alimento era de 635kg, e sobrou só um pedacinho para o presidente. O ar estava impregnado com o cheiro, o carpete estava escorregadio e não se falava sobre outra coisa em Washington naquele dia".

Sobrou para Martin Van Buren, o presidente sucessor, o trabalho de eliminar o cheiro acre do queijo que permaneceu por muito tempo, supostamente tendo que deixar o carpete arejar por "muitos dias", se livrar das cortinas e repintar todo o cômodo.

Publicidade

13. Mesmo sendo conhecidos por serem ferozes, os crocodilos convivem pacificamente com os peixe-bois.

Closeup of a gator
Closeup of a gator
a manatee swimming
a manatee swimming

D Williams Photography / Getty Images, Naluphoto / Getty Images/iStockphoto

Os peixe-bois chegam até a esbarrar (ou cutucar, como preferir) nos crocodilos quando precisam passar.

14. Esta foi a camisa de seda que o Rei Charles I vestiu quando foi decapitado em 1649.

Uma camisa longa com uma estampa de padrão intrincado cheia de manchas que lembra uma túnica
Uma camisa longa com uma estampa de padrão intrincado cheia de manchas que lembra uma túnica

Heritage Images / Heritage Images/Getty Images

Sabendo que seria executado em frente a uma multidão, ele pediu para vestir uma roupa quente para não tremer e parecer que estava com medo. Foi isso que ele vestiu. Apesar de tudo, parecia que ele estava com medo. Pesquisadores acreditam que as manchas que ele deixou para trás eram suor ou vômito (não sangue).

Publicidade

15. O Lago Baikal, na Sibéria (Rússia), é o maior, mais profundo e antigo lago do mundo. Ele concentra incríveis 20% de toda água potável do planeta. Ah, e dizem que coisas estranhas já aconteceram lá.

Margens Lago Baikal, montanhas com neblina e céu azul
Margens Lago Baikal, montanhas com neblina e céu azul

Ralph White / Getty Images

O Lago Baikal está situado num grande vale de 25 milhões de anos que teve origem pela movimentação de duas placas tectônicas em direções opostas. Também existem "anomalias magnéticas" dentro e ao redor do lago que fazem uma bússola, digamos assim, girar sem parar, como num filme de ficção científica.

Há muitos incidentes reportados de barcos que partiram no lago e nunca voltaram. Um deles ocorreu em 2011, um barco com o nome de Yamaha desapareceu sem explicação. Ao que parece, os homens responsáveis por pilotá-lo eram marinheiros experientes, mas não conseguiram lutar contra a névoa que baixou naquele dia e aparentemente os engoliu.

Mas os fatos com veracidade verificável acabam por aí. De acordo com as lendas locais, é complicado confirmar as histórias, então leia todas as informações a seguir com uma pitada de ceticismo.

Uma delas é que Jesus Cristo, o próprio, visitou o lago. Outra é que Genghis Khan nasceu em uma das ilhas do lago, mais especificamente na Ilha Olkhon.

Ao longo dos séculos, aconteceram inúmeras "aparições" de um monstro ancestral que lembra um "peixe gigante" que fica à espreita da superfície. Existem até gravuras rupestres de 3 mil anos atrás que ilustram a criatura misteriosa gravadas no penhasco que contorna o lago.

Além disso, aconteceram centenas de supostas aparições de OVNIs, criaturas "humanóides" e luzes misteriosas acima e embaixo da superfície do lago. O Lago Baikal já foi chamado de "local para avistamento de OVNI" e, em 2009, a Marinha Russa tornou públicos alguns arquivos, o que, para algumas pessoas que acreditam, concedeu um grau de legitimidade a essas alegações.

16. Este animal incrível se chama Glaucus atlanticus, mais conhecido como dragão azul, e deve ser a lesma mais bonita que você já viu.

dragão azul que lembra uma criatura alienígena ou um ser fantástico
dragão azul que lembra uma criatura alienígena ou um ser fantástico

S.rohrlach / Getty Images

Publicidade

E ele é deste tamanho:

um dragão azul na mão de uma pessoa, menor que uma moeda de um centavo
um dragão azul na mão de uma pessoa, menor que uma moeda de um centavo

S.rohrlach / Getty Images

17. A lâmina desta adaga, encontrada no túmulo do Rei Tut, é feita de ferro, níquel e cobalto. Essa combinação de metais é encontrada dentro de meteoritos, e pesquisadores acreditavam tenham usado justamente isso para forjá-la.

adaga antiga com cabo e bainha de ouro
adaga antiga com cabo e bainha de ouro

B.O'Kane / Alamy Stock Photo

Publicidade

18. Corvos brancos raríssimos foram encontrados na Ilha de Vancouver, no Canadá.

An extremely rare, all white raven
An extremely rare, all white raven

Martin Smart / Alamy Stock Photo

Mike Yip, escritor e fotógrafo local, afirmou em entrevista que os pássaros são leucísticos, e não albinos, o que significa que não têm somente alguns pigmentos, diferente do albinismo, que é a total ausência de pigmento.

19. Julia Child era uma agente secreta do OSS — que, mais tarde, virou a CIA — durante a Segunda Guerra Mundial.

Julia Child posing with a whisk and spoon
Julia Child posing with a whisk and spoon

New York Times Co. / Getty Images

Antes de começar a ensinar o público a cozinhar pratos da culinária francesa e se tornar uma das figuras mais amadas da televisão norte-americana, Julia Child trabalhou para o Escritório de Serviços Estratégicos (OSS), o antecessor da CIA.

Como muitos agentes secretos, ela manteve a boca fechada sobre o trabalho. Em 1981, no entanto, a CIA decidiu tornar públicos alguns arquivos a respeito do seu serviço, e foi revelado que ela ajudou a desenvolver um repelente de tubarões para evitar que pilotos fossem devorados vivos se caíssem no mar.

Publicidade

20. Ignaz Semmelweis foi um dos primeiros médicos a defender a lavagem das mãos para prevenir o contágio de doenças e infecções e, por esse motivo, ele foi marginalizado e demitido. Mais tarde, ele foi internado em um hospital psiquiátrico.

A sketch of Ignaz Semmelweis washing his hands in a basin
A sketch of Ignaz Semmelweis washing his hands in a basin

Bettmann / Bettmann Archive

O médico Ignaz Semmelweis trabalhou em uma maternidade em Viena, Áustria, onde muitas pacientes estavam ficando com "febre puerperal" e morrendo. Ele quis investigar a causa, então, ele comparou os procedimentos da sua clínica com uma clínica de parteiras que ostentava uma taxa de mortalidade muito mais baixa.

Depois de algumas tentativas e erros, ele se deu conta de que a clínica de parteiras não realizava autópsias. Ele se perguntou se poderia ocorrer contaminação cruzada entre as pacientes e os cadáveres, então ele pediu para sua equipe lavar melhor as mãos e os instrumentos utilizando uma solução de hipoclorito de cálcio. Os funcionários fizeram isso – pelo menos no início – e a mudança trouxe resultados positivos: menos mulheres ficaram doentes e morreram.

Na época, em 1847, os médicos não sabiam muito sobre germes. A ligação entre bactéria e doença só seria descoberta algumas décadas mais tarde. Então sobrou para Semmelweis tentar convencer seus colegas da descoberta sem compreender na totalidade a raiz da questão, e ele não conseguiu. Com certeza, não ajudou o fato de que, quando desafiado, ele ficava raivoso e começava a xingar todo mundo e, com isso, acabou perdendo o emprego. Os procedimentos de higiene que ele havia implementado logo foram abandonadas.

Ignaz Semmelweis foi internado no hospital psiquiátrico cerca de duas décadas depois desse episódio, então é exagero dizer que ele foi admitido por defender a ideia de lavar as mãos, como é contado popularmente. Algumas teorias sugerem que ele tinha um caso grave de sífilis que espalhou para o cérebro, o que acabou o matando enquanto estava internado. Outros acreditam que ele tinha Alzheimer e que foi espancado até a morte pela equipe do hospital. Um final trágico para um homem que só queria salvar vidas.

Veja só! Mais uma curiosidade sobre sapos:

Publicidade

21. Uma nova espécie de sapos transparentes que foi descoberta na Costa Rica em 2015 lembra muito o Caco, o Sapo:

A frog with the same coloring and protruding eyes as Kermit
A frog with the same coloring and protruding eyes as Kermit
The frog's translucent underbelly through which you can see its organs
The frog's translucent underbelly through which you can see its organs

BRIAN KUBICKI / COSTA RICAN AMPHIBIAN RESEARCH CENTER, BRIAN KUBICKI / COSTA RICAN AMPHIBIAN RESEARCH CENTER

Brian Kubicki, que descobriu o sapo, batizou a espécie de Hyalinobatrachium dianae como homenagem a sua mãe.

Quer saber o que eu aprendi semana passada? Clique aqui. E clique AQUI para descobrir o que aprendi em maio. Os posts estão em inglês.

Publicidade

Este post foi traduzido do inglês.

Veja também