10 vezes em que a necessidade moldou o seu caráter

Só quem esquentou uma Bic pra funcionar vai entender.

1. Enquanto sua coleguinha chegava no colégio com esse estojo completíssimo.

Você esquentava a caneta Bic em um esforço sobre-humano para conseguir escrever um bilhetinho.

Publicidade

2. Seus amigos nunca tinham problemas com eletrônicos, afinal tinham pilhas importadas recarregáveis.

Já você torcia para o mito da pilha na geladeira ser real e ela milagrosamente voltar a funcionar.

Publicidade

3. Todo mundo na sua sala tinha um pacote de 50 folhas de papel almaço.

Enquanto você precisava sofrer passando aquela única folha encontrada no fundo da gaveta.

Válido também para folhas de papel vegetal. SDDS.

Publicidade

4. Geral da escola se dividia entre perua escolar e mães carona.

E você calculava se a cota de passe escolar ia ser o suficiente.

Que sempre sobrava alguns passes e eram trocado por doces na lojinha <3

Publicidade

5. E se muitos dos seus colegas tinham sempre uma carona esperta.

Você calculava duas horas entre fazer o que precisava e voltar para dar o tempo da integração do Bilhete Único.

E se sentia muito ninja quando dava certo.

Publicidade

6. Seus amigos sempre souberam o que é o prazer da TV a cabo.

E você lutando com a esponja de aço pra parar na antena.

Publicidade

7. E claro, as roupas de todo mundo que você conhecia estavam lindamente organizadas e secas no armário.

E você, com incentivo de uma tia, apelava pra geladeira.

Recomendação: não façam isso em casa.

Publicidade

8. Enquanto um coleguinha sempre tinha uma impressionante nota de plástico de 10 reais para comprar uns doces.

Você revirava o sofá em busca de moedas perdidas.

Publicidade

9. Já o conjunto de canetinhas lindamente guardado em um estojo maneiro do seu melhor amigo.

Era substituído por quatro conjuntos herdados embebidos em álcool.

Publicidade

10. E claro, sonhava com essa lancheira:

Enquanto lutava bravamente não derramar todo o suco do mundo em você mesmo.

Publicidade

Leia também:

Publicidade

Veja também