Se você acha que sabe o que é hipster, espere para ver esta versão de 1790

Pessoas que literalmente arriscavam sua vida pela ironia.

Quiz

Andrea Hickey / BuzzFeed

A vida era perigosa durante a Revolução Francesa, e a estrutura social estava mudando rapidamente.

Georg Heinrich Sieveking / Via Wikimedia Commons

Conforme a aristocracia enfrentava a guilhotina, sua moda saia de cena. As roupas usadas pelo rei francês Luís 16, sua esposa Maria Antonieta e a aristocracia passaram a ser consideradas antiquadas e não eram mais vistas como desejáveis.

Andrea Hickey / BuzzFeed

Em vez disso, um estilo mais modesto usado pelo franceses das classes mais baixas — que lutavam contra as classes altas pelas quais eram oprimidos— tornou-se mais popular.

Andrea Hickey / BuzzFeed

No entanto, apesar dessa divisão, um grupo de jovens aristocratas que cresceram em meio a essa instabilidade da Revolução estavam se rebelando de sua própria forma: por meio de um estilo extravagante e chamativo.

Claude-Louis Desrais / Via Wikimedia Commons

Tudo era uma ode à ironia. Eles tiravam sarro do estilo excessivo da classe alta pré-Revolução. Eles tiravam sarro das vestimentas que estavam na moda. Eles tiravam sarro até de si mesmos. Ou seja, queriam ser vistos como um espetáculo.

, Wikimedia Commons

Parece familiar?

As Merveilleuses eram as mulheres do movimento. Elas usavam vestidos bem transparentes, quase sempre com nada por baixo, e derramavam água sobre o tecido para que o material ficasse agarrado em suas curvas.

Andrea Hickey / BuzzFeed

O estilo Merveilleuse foi inspirado na Grécia Antiga e incluía quase sempre tecido soltos, esvoaçantes e até mesmos sandálias estilo gladiador.

Andrea Hickey / BuzzFeed

Algumas mulheres deixavam à mostra suas pernas e seios desnudos, e outras até andavam nuas em público — o que foi uma grande mudança em relação ao estilos anteriores.

Wikimedia Commons

Os Incroyables eram a versão masculina das Merveilleuses.

Andrea Hickey / BuzzFeed

Eles vestiam casacos e gravatas exagerados e desajustados combinados com calças apertadas, carregavam monóculos ou diversos pares de óculos, forçavam uma fala com língua presa...

Wikimedia Commons

... e andavam com uma postura curvada carregando bastões de madeira.

Claude-Louis Desrais / Via Wikimedia Commons

Eles eram caricaturas reais dos aristocratas pré-revolucionários e seus estilos de vida e moda extravagantes.

Wikimedia Commons, Georges-Jacques Gatine / Wikimedia Commons

O estilo Merveilleuse e Incroyable foi influenciado também pelo enorme número de mortos da Revolução.

Andrea Hickey / BuzzFeed

Eles participavam de bailes chamados bal de pendus ou le bal des victimes – para ser admitido nesses eventos, era necessário ter um parente que foi executado durante a Revolução. Nessas ocasiões, eles usavam vermelho ao redor do pescoço, simulando aqueles que foram mortos na guilhotina.

Andrea Hickey / BuzzFeed

E algumas mulheres adotavam o estilo à la vítima ou coiffure à la Titus, parecido com o corte de cabelo que a vítima recebia antes de ser decapitada pelos revolucionários.

Andrea Hickey / BuzzFeed

Pierre-Narcisse Guerin, Louis Léopold Boilly, Costume Parisien, 393

Então mesmo que possamos considerar a moda "escandalosa" ou estranha como sendo algo relativamente moderno, essas pessoas já estavam quebrando os padrões da sociedade com seu próprio estilo há mais de 200 anos.

Carle Vernet

Então, o que você acha? Os Incroyables e as Merveilleuses foram os primeiros hipsters? Ou foram apenas um ponto sem graça na história da moda?

Louis-Léopold Boilly / Public Domain

Eles eram hipsters COM CERTEZA!

Do que você está falando?! Pare de tentar fazer disso algo importante.

Créditos: fashionencyclopedia.com, Fall of Public Man de Richard Sennett, world4u.eu, cracked.com, tiffanyslittleblog.blogspot.com, Stephanie Buck / Timeline.com, Listening in Paris: A Cultural History de James H. Johnson, https://www.paperblog.fr/users/mademoiselle_titam/

Veja também:

16 modas malucas da história que vão explodir a sua cabeça

Você já tem o app do BuzzFeed Brasil no seu celular? Baixe gratuitamente no Android e no iOS para ver todos os nossos testes, vídeos, notícias e muito buzz.

Este post foi traduzido do inglês.

Veja também