O público não curtiu a troca da única apresentadora negra do "Vídeo Show" por 4 mulheres brancas

"Não nos deixam ocupar a sala da casa grande", afirmou Alinne Prado, primeira apresentadora negra da história do "Vídeo Show".

Depois de uma pausa durante a Copa do Mundo, o "Vídeo Show" voltou ao ar nesta segunda (16) com uma nova bancada formada por quatro mulheres.

Divulgação/Globo / Via gshow.globo.com

Sophia Abrahão, que já apresentava o programa, ganhou a companhia de Ana Clara, Fernanda Keulla e Vivian Amorim, todas ex-participantes do "BBB".

Publicidade

Publicidade

A verdade é que a nova bancada do "Vídeo Show" expôs um padrão recorrente dos programas da Globo, que é ter apenas pessoas brancas.

Reprodução/Twitter / Via Twitter: @lalabombom

A queixa dos espectadores se torna ainda mais grave se considerarmos que o programa tinha uma apresentadora negra, a primeira de sua história, chamada Alinne Prado.

Além de ser repórter do "Vídeo Show", Alinne também fazia vezes de âncora ao lado de Otaviano Costa.

Publicidade

Em resposta a um post da ativista Patricia Ramos, Alinne Prado usou sua rede social para explicar sua saída do programa.

Reprodução/Twitter / Via Twitter: @indifalou

"Fui demitida sob justificativa de que, apesar de gostarem muito do meu trabalho, precisavam de alguém mais 'neutro' (sic) do que eu", disse. Ela ainda acrescentou que nunca falou sobre isso publicamente, mas que "não nos deixam ocupar a sala da casa grande."

Publicidade

Veja também:

Publicidade

Publicidade

Você já tem o app do BuzzFeed Brasil no seu celular? Baixe gratuitamente no Android e no iOS para ver todos os nossos testes, vídeos, notícias e muito buzz.