O Corinthians apoiou a Lei Maria da Penha e contratou um acusado de agressão a mulher no mesmo dia

A torcida passou a usar a hashtag #JuninhoNoCorinthiansNão.

BuzzShe

A Lei Maria da Penha, que criou mecanismos para coibir a violência contra a mulher, completou 12 anos nesta quinta-feira. O Corinthians postou em suas redes sociais seu apoio à Lei e usou a hashtag #NenhumaAMenos, um dos símbolos do movimento contra este tipo de violência.

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Até a publicação deste post o nome do Juninho não constava no elenco do Sport Club Recife nem no elenco do Corinthians.

Veja também:

A chamada do jornal no aniversário da Lei Maria da Penha mostrou como ainda falta muito no combate à violência

Veja também