Nova versão de "A Bela e a Fera" incluiu diversidade e deixou o clássico perfeito

Musical vai estrear em Londres com protagonistas negros.

Uma nova versão do musical "A Bela e a Fera", inspirado na animação da Disney, estreia em Londres em junho.

E uma das grandes novidades é que pela primeira vez os personagens principais são interpretados por artistas negros.

O espetáculo estreou originalmente na Broadway em 1994 (e ficou em cartaz até 2007).

reprodução

Publicidade

E tem a história, as músicas e o visual da animação que a Disney lançou em 1991.

Na animação, todos os personagens principais são representados como pessoas brancas. A versão live-action, lançada em 2017, seguiu nessa linha.

divulgação

Emma Watson e Dan Stevens viveram a Bela e a Fera no filme.

Publicidade

Nessa nova versão do musical, Courtney Stapleton é a Bela.

reprodução

E Shaq Taylor é a Fera.

Publicidade

Na Broadway, tivemos diversidade em "A Bela e a Fera" quando Toni Brexton interpretou a protagonista por algumas semanas em 1998.

reprodução

Quando o musical foi montado no Brasil, em 2009, a ex-Rouge Li Martins foi a Bela, mostrando que a personagem também poderia ser vivida por uma atriz de ascendência asiática.

reprodução

Publicidade

Recentemente, a segunda temporada de "High School Musical: the musical: the serie" incluiu uma montagem escolar de "A Bela e a Fera" e Ashlyn (Julia Lester) fez Bela.

A trama abordou os padrões estéticos exigidos para interpretar a personagem.

No início de 2022, uma montagem não-oficial em Maryland, nos EUA, teve Jade Jones como Bela e Evan Ruggiero (que teve uma perna amputada por conta de uma doença) como Fera.

reprodução People

"Nunca vi ninguém como eu no palco em um papel como esse", disse Jade para a revista People.

Publicidade

Tudo isso só mostra que incluir diversidade deixa uma história ainda mais linda.

Veja também