Há mais de 20 anos roubaram o Oscar das mãos da Fernanda Montenegro

Ainda temos uma esperança que a tal academia vai se redimir por esse absurdo com ela e o "Central do Brasil".

Em 1998 o Brasil teve a grande honra de ver em suas salas de cinema o icônico filme "Central do Brasil", estrelado pela maior e melhor atriz da história do Brasil, ninguém mais, ninguém menos que Fernanda Montenegro.

Divulgação Europa Filmes

Caso você ainda não tenha tido o prazer de ver este filmaço, saiba que ele conta a história da ex-professora Dora, que trabalha escrevendo cartas por analfabetos na estação Central do Brasil no Rio de Janeiro. Lá ela conhece Josué, um menino que fica órfão após sua mãe ter sido atropelada. Então Dora decide viajar pelos rincões do Brasil para ajudar Josué a encontrar o pai que nunca conheceu.

O belíssimo filme venceu dezenas de prêmios de diversos festivais conceituadíssimos do mundo todo, como o Festival de Cinema de Berlim, o Globo de Ouro e o BAFTA. Só pra citar três.

Divulgação Globo Filmes

Fernanda Montenegro ganhou o prêmio de melhor atriz no Festival de Berlim. O filme foi o melhor do ano em Berlim e o melhor em língua estrangeira no BAFTA e no Globo de Ouro.

Publicidade

Olha que lindos segurando o prêmio do Globo de Ouro, o produtor Arther Cohn, a Fernanda Montenegro, o ator Vinicius de Oliveira e o diretor Walter Salles.

Hal Garb / AFP / Getty Images

Depois de ser extremamente premiadíssimo, era chegada a hora do prêmio mais conceituado do cinema, o Oscar. E em 1999 "Central do Brasil" foi indicado a Melhor Filme Estrangeiro.

Reprodução YouTube Oscars

Para cumprir tabela também foram indicados outros quatro filmes: "A Vida é Bela", "El Abuelo", "Filhos do Paraíso" e "Tango".

Publicidade

E Fernanda Montenegro foi uma das indicadas na categoria Melhor Atriz. Foi a primeira atriz latina indicada na categoria.

Vince Bucci / AFP / Getty Images

Olha a cara linda da Fernanda Montenegro chiquérrima e pronta pra ganhar a estatueta de ouro.

Publicidade

Mas como os brasileiros não têm direito a um único momento de alegria nesta vida, a dita academia TIROU O OSCAR DAS MÃOS DELA E DEU PARA AQUELA MOCINHA DO SHAKESPEARE APAIXONADO.

Reprodução YouTube Oscars

Aqui temos o momento em que Fernanda foi aplaudida quando anunciaram o nome dela.

E, claro, a tal academia do Oscar também fez questão de não dar nada para o Brasil e o prêmio de melhor filme estrangeiro foi para o italiano "A Vida é Bela".

Reprodução YouTube Oscars

Até colocaram outra italiana, a Sophia Loren, pra abrir o envelope e entregar a estatueta, na maior marmelada da história do cinema.