Garota do tempo do Jornal Nacional é alvo de racismo no Facebook

"Vai fazer essas previsões na senzala" foi uma das ofensas feitas para jornalista Maria Júlia Coutinho, a Maju, da TV Globo.

Maria Júlia Coutinho, a Maju, foi alvo de racismo nos comentários de uma postagem do perfil do "Jornal Nacional" no Facebook na noite desta quinta-feira (2).

São centenas de comentários racistas, muitos deles já deletados. "Ligo a TV para assistir e me deparo com essa espécie negra. Sou obrigado a mudar de canal", diz outra das ofensas.

Na função desde abril na emissora, Maju já havia sido alvo de racismo em maio deste ano, em uma postagem do portal R7 no Facebook.

Reprodução/Facebook

"Cabelo ruim... Tá elogiando porque é preta como você", dizia um dos comentários.

Bruno Puccinelli, que até a publicação deste post tinha o comentário mais curtido da postagem do JN, disse que fez um print dos comentários racistas e que iria levá-los às autoridades. "Racismo é crime", escreveu.

Além ressaltar que racismo é crime, muitas pessoas fizeram comentários cheios de carinho para Maju. "Você é muito linda e muito inteligente, beijinho no ombro dos invejosos."