EXCLUSIVO: 19 fotos cabulosas da turnê de 30 anos do Racionais Mc's

O BuzzFeed Brasil conversou com o fotógrafo do grupo, que contou detalhes sobre os shows e os bastidores, além de mostrar fotos inéditas da banda.

Os quatro pretos mais perigosos do Brasil estão reunidos mais uma vez. O Racionais Mc's está viajando o Brasil para em uma turnê celebrar seus 30 anos de carreira. A história do grupo formado por Mano Brown, Edi Rock, Ice Blue e KL Jay se mistura com a do rap nacional e foi responsável também pela formação de muitos jovens que nasceram nas periferias de São Paulo lá pelos anos 90. Um desses jovens é o fotógrafo Jeferson Delgado, de 21 anos, nascido e criado na Zona Sul de São Paulo (terra também do Racionais) e que agora tem a oportunidade de fotografar a turnê do seus ídolos, estando no palco, hotel, camarins, etc.

O BuzzFeed Brasil conversou com Jeferson sobre essa experiência e publica fotos inéditas dos bastidores desta turnê, tiradas durante os shows de Florianópolis e Brasília.

Jeferson Delgado

Mano Brown antes de entrar no palco.

Publicidade

Jeferson Delgado

Me conta um pouco de onde você é e qual seu primeiro contato com o audiovisual?
Jeferson Delgado: Eu tenho 21 anos e sou do Jardim Rosana, uma comunidade que fica entre o Campo Limpo e Capão Redondo, é meio que e um sub-bairro da Zona Sul de São Paulo. Meu primeiro contato direto com audiovisual foi em 2016, minha irmã falou pra eu ir morar com ela lá na USP, mas nunca fui fã de estudar (risos). Nessa época, teve um show do KL Jay e uma amiga me perguntou se eu queria fotografar. Não conhecia nada sobre, mas meti as caras e arrumei uma câmera emprestada. As fotos saíram bizarras, porém foi meu primeiro contato com fotografia. Essa câmera acabou ficando comigo por um tempo e comecei a fazer uma websérie sobre empreendedorismo na quebrada. Foi assim que comecei nessa cena.

E como você teve seu primeiro contato com o Racionais Mc's?
Conheci quando pequeno. Meu pai era segurança e fazia muito rolo. Certa vez, ele fez um rolo por um celular com MP3 e o aparelho veio com algumas musicas, sendo uma delas "Vida Loka Pt. II". Lembro do meu pai falando que aquilo que era rap. Além disso, nas escolas onde estudei tocava MUITO, os aparelhos MP3s ficaram bem populares na época, todo mundo passava música um pro outro e quem decorava as músicas do Racionais se destacava.

Publicidade

Jeferson Delgado

Banda em ação durante o show de Brasília.

Jeferson Delgado

Edi Rock a caminho de mais um show.

Publicidade

Jeferson Delgado

De que maneira as músicas do grupo te influenciaram?

Foi importante pra traçar pra mim sobre como era ser preto morando em São Paulo. Eu cresci maloqueiro por conta de Racionais, aprendi muito sobre saber lidar nas ruas de SP. Não só eu, mas muito moleque que nasceu nos 90 aprendeu um pouco da vida com as músicas e as letras dos Racionais Mc's.

Como surgiu a ponte pra fotografar essa turnê de 30 anos?

Em abril desse ano, fiz uma matéria sobre a Fundão Roupas, uma marca que é da Zona Sul e certo dia o Kaire Jorge, filho do Mano Brown, respondeu sobre a matéria, contou que leu e gostou. Nisso, começamos a conversar e tava querendo entrevistar o Kaire pro meu canal no YouTube. Conversando, ele comentou que o projeto solo do Mano Brown não tinha fotografo. Disse que eu toparia a missão, fui em alguns shows e o pessoal gostou do meu trabalho. Dividir camarim com o Brown foi demais, foram os cliques da minha vida.

Jeferson Delgado

E daí a galera gostou do seu trampo e te chamou pra rodar o Brasil com o grupo?

Essas fotos com o Brown foram próximo do inicio da turnê e falei que ia no primeiro show, que era em Florianópolis. Falei que ia dar meu jeito e ia (risos). O Kaire nem acreditou de inicio, mas fui de busão mesmo. Cheguei direto na casa de show e ali era a oportunidade da minha vida. Já existia uma equipe produzindo conteúdo de vídeo e eu consegui ficar dedicado para foto. A equipe do Racionais gostou bastante, daí em Brasilia, já fui com a equipe. Pra mim, foi algo nostálgico. Cresci escutando os caras e de uma hora para outra estava conversando com eles, tendo a oportunidade de dividir van.

E como tá sendo esse contato de fotografar a turnê?

Tenho toda a liberdade pra fotografar e respeito bastante o momento deles. Eles são os artistas, né?! Tudo tem seu momento e eu ter essa oportunidade de estar junto com os caras é muito foda. Até pela idade que tenho, estar na equipe do Racionais Mc's foi algo que demorei pra acreditar.

Publicidade

Jeferson Delgado

Edi Rock super focado antes de entrar no palco.

Jeferson Delgado

O que será que Mano Brown estava pensando?

Publicidade

Jeferson Delgado

Ice Blue de boassa no hotel em Brasília.


E qual o show da turnê que você tá mais ansioso pra fotografar?
Acho que o show de São Paulo é o que tô mais ansioso, porque é minha casa, a casa dos Racionais. É algo que vai ser emocionante.

Qual seria a foto perfeita da turnê?
Tem algumas fotos especiais, mas acho que os quatro juntos, com um sorriso no rosto, eles se abraçando, essa seria uma foto perfeita. Seria algo que eu enquadraria, sem dúvidas.

E qual aprendizagem você tira dessa oportunidade?
Na cena da fotografia, as principais referências são homens brancos. Na equipe tem outros pretos e estar do lado de outras pessoas pretas é importantíssimo. Não é um passo só pra mim, é para os pretos em geral. Os artistas têm que perceber também que tem que dar oportunidade pra homens e mulheres pretas. Representatividade é importante, é sobre oportunidade. Muitas vezes, o que precisamos é só um sim.

Publicidade

Jeferson Delgado

Jeferson Delgado

Criado em 1988, o Racionais Mc's tem na carreira quatro álbuns de estúdio, Raio X Brasil (1993), "Sobrevivendo No Inferno" (1997), "Nada Como Um Dia após o Outro Dia" (2002) e "Cores & Valores" (2014); os EPs "Holocausto Urbano" (1990) e "Escolha o Seu Caminho" (1992); e o DVD "1000 Trutas, 1000 Tretas", de 2006.

Publicidade

Jeferson Delgado

Pelas fotos do Jeferson, vemos que o tempo passou e dá pra notar como KL Jay, Edi Rock, Mano Brown e Ice Blue envelheceram bem demais, pqp.

Jeferson Delgado

Do lançamento do seu penúltimo álbum, "Nada Como Um Dia Após O Outro", para o último, "Cores e Valores", foram 12 anos. Tempo suficiente pro público ficar DESESPERADO a cada boato de novo trabalho. Por isso, todo show é tido como um espetáculo imperdível. A turnê de 30 anos do grupo passa por toda a carreira, tendo na setlist clássicos como "Homem na Estrada", "Vida Loka" e "Jesus Chorou".

Publicidade

Jeferson Delgado

Com o "hiato" entre álbuns, cada integrante também teve tempo pra se dedicar a carreira solo. Mano Brown lançou um álbum solo com um estilo bem soul anos 80, "Boogie Naipe". Edi Rock lançou dois trabalhos, "Rapaz Comum II", "Contra Nós Ninguém Será", além do mais recente, "Origens". Outro que lançou trabalhos solos foi KL Jay, que lançou os álbuns "Na Batida - Vol III" e "Na Batida - Vol II".

Quando falamos que Racionais é uma verdadeira aula de periferia, estamos sendo literais. As letras do álbum "Sobrevivendo no Inferno" se tornaram leitura obrigatória para o vestibular da Unicamp e, na sequência, viraram livro publicado pela Companhia das Letras. Entre as principais canções do álbum - e que também estão presentes na turnê de 30 anos - temos "Diário de um Detento" e "Capitulo 4, Versículo 3".

Publicidade

Jeferson Delgado

Ice Blue antes do show, de olho em tudo

Jeferson Delgado

Ficou ansioso pra colar em algum dos shows da turnê de 30 anos do Racionais Mc's? No total, o grupo passará por oito capitais brasileiras. Todas as apresentações serão com banda. Os shows começaram em julho em Florianópolis e vão até outubro em São Paulo. Anote as datas dos próximos shows: Rio de Janeiro (24/08), Belo Horizonte (14/09), Salvador (04/10), Recife (05/10) e São Paulo (11/10 e 12/10).

Publicidade

Leia também:

Americano usa rap para ensinar inglês no Capão Redondo

Escrito por Tatiana Farah • há 4 anos

Este fotógrafo mostrou os bastidores dos videoclipes de rap

Escrito por Gabriel H. Sanchez • há 3 anos


Publicidade

Veja também