Esta é uma lista das experiências mais assustadoras e inexplicáveis ​​que as pessoas viveram e estamos em choque

Quem ~também~ vai dormir com as luzes acesas esta noite?

Todos nós já tivemos dias comuns que ficam bizarro após algum acontecimento extremamente peculiar, super assustador e impossível de ser explicado. Correto? Não? OK, se nada de filme de terror já aconteceu com você, considere-se sortudo e leia sobre os infortúnios dos outros. Para aqueles que tiveram experiências extremamente perturbadoras, prepare-se para se sentir reconhecido e visto (mas não de uma forma assustadora, tipo "alguém está observando você agora").

HBO

As histórias a seguir são deste post no AskReddit por LBE, que fez a seguinte pergunta: "Qual foi o momento mais assustador e inexplicável que você já vivenciou e que perturba sua mente até hoje?"

Publicidade

1. "Eu estava acampando sozinho em uma pequena barraca para uma pessoa. Aconchegado e seguro, fui dormir. Fui acordado por um trovão às três da manhã e vi as portas internas e externas da barraca abertas. Foi muito estranho."

A tent glowing red with dim light sits by itself on a dark night
A tent glowing red with dim light sits by itself on a dark night

Hudzilla / Getty Images/fStop

rg250871

2. "Meu marido conseguiu um emprego noturno para nos ajudar durante a Covid. Uma noite, ele saiu de casa por volta das 20h15. Eu e minha filha decidimos fazer uma noite de cinema. Por volta das 23h, ouvi chaves na porta dos fundos e os sons habituais que meu marido faz quando chega em casa. Fui até a cozinha para ter certeza de que era ele, e era. Ele me disse que precisava pegar alguma coisa, andou pelo corredor, disse "Oi" para nossa filha, passou pela sala, subiu as escadas, desceu, me deu um beijo e saiu de novo...

A house with its lights on is seen from a distance in a dark neighborhood
A house with its lights on is seen from a distance in a dark neighborhood

James Williams / Getty Images/500px

Terminamos nosso filme e fomos dormir. De manhã, quando ele chegou em casa, fiz um comentário sobre ele ter passado em casa. Ele estava genuinamente confuso. Nossa filha confirmou tudo o que eu disse, mas ele ainda estava confuso. Eu puxei nossa câmera de segurança no meu telefone para mostrar a ele quando ele apareceu, mas não havia nenhuma filmagem dele voltando para casa depois que ele saiu. Minha filha e eu o ouvimos e o vimos, e até o toquei. Mas ele nunca esteva em casa durante esse período. Nada mais fora do comum aconteceu naquela noite. Nós realmente não temos ideia do que aconteceu."

worthlesscommotion

Publicidade

3. "Eu estava morando em Boston. Acordei às três da manhã porque meu gato pulou na minha cama e se enrolou em mim. Meu gato fazia isso todas as noites desde que eu tinha 5 anos. Esse era o lugar dele. Porém, meu gato estava morando com meus pais na Costa Oeste, então eu não conseguia entender o que diabos eu estava sentindo, mas eu sabia que era meu gato. Eu imaginei que estava sonhando. Na manhã seguinte, recebi uma ligação dos meus pais me avisando que meu gato havia morrido por volta da meia-noite da noite anterior, que às três da manhã no meu fuso-horário. Acho que era meu gato viajando para Boston para me ver uma última vez."

A cat curls up comfortably on a bed
A cat curls up comfortably on a bed

Falah Alharbi / Getty Images/EyeEm

[deleted]

4. "Eu estava com minha namorada e a mãe dela. O quarto da minha namorada foi construído como uma extensão/complemento da garagem deles. Então você tinha que passar pela garagem para chegar ao quarto dela. Uma noite, eu acordei por volta de uma de manhã e a sala estava brilhando com luzes vermelhas. Eu olhei para o teto e vi um ser rastejando. Ele se movia de uma maneira tão desumana, como se estivesse quebrando todos os seus ossos para se mover. Eu começo a gritar, acordando minha namorada e ela olha para o teto e começa a gritar também. Instintivamente, eu pego meu travesseiro e bato naquele ser. A próxima coisa que eu sei é que tudo ficou preto e eu acordei algumas horas depois . Minha namorada estava dormindo, então pensei que tinha sido apenas um sonho estranho. Nesse momento, eu tive que ir ao banheiro. Então, atravessei a garagem e tentei abrir silenciosamente a porta da garagem para entrar na parte principal da casa...

A room glows red at night
A room glows red at night

Fabian Plock / Getty Images/EyeEm

A mãe dela já havia ficado irritada com a gente ficando acordado até tarde e passando pela porta da garagem para usar o banheiro, porque cada vez que abríamos, a porta estalava alto e a acordava. Então, fiquei de pé na porta da garagem, tentando abri-la o mais silenciosamente possível. Quando a abro, sua mãe começa a gritar a plenos pulmões. Eu pensei que era raiva por ter acordado ela, então eu imediatamente fechei a porta, voltei para o quarto da minha namorada, e disse a ela que sua mãe estava gritando. Ela se levantou para me ajudar com a situação. Cerca de 20 minutos depois, minha namorada voltou para o quarto completamente em silêncio. Ela me perguntou se eu tinha visto a sala brilhando em vermelho mais cedo e uma figura no teto. Eu disse que 'sim', e ela ficou de olhos arregalados, porque ela tinha pensado que era apenas um sonho. Ela então disse que sua mãe não estava gritando comigo. Aparentemente, quando abri a porta, ela acordou e viu a mesma figura parada ao pé de sua cama, movendo-se lentamente em direção a ela. Ela então desmaiou e só acordou com minha namorada indo falar com ela.


Todo mundo da casa dormiu com as luzes acesas por um mês depois disso."

LetsFlai

Publicidade

5. "Peguei no sono no sofá e levantei no meio da noite para ir ao banheiro. Quando cheguei, percebi que não precisava fazer xixi. Voltei para o sofá. Eu vi meu corpo ainda adormecido, enrolado no sofá. Não me lembro do que aconteceu depois, e sei que deve ter sido apenas um sonho, mas ainda me assusta pensar nisso."

A woman's spirit appears removed from her body, as she watches herself sleep
A woman's spirit appears removed from her body, as she watches herself sleep

Sezer66 / Getty Images/iStockphoto

dipdipbeantot

6. "Havia um garoto na minha sala do qual ninguém mais se lembra. Eu me lembro claramente de brincar com esse garoto no jardim de infância, e éramos praticamente inseparáveis. Cerca de um mês depois das férias de Natal, ele desapareceu. Ninguém se lembrava dele. Nem os professores ou meu ninguém. Eu até perguntei ao orientador da escola se ele estava bem e ela foi legal e olhou os registros escolares para ver se ele havia sido transferido. Ela não conseguiu encontrar nada. Eu penso nisso pelo menos uma vez por mês."

An empty chair and desk in a classroom
An empty chair and desk in a classroom

Phurinat Wongkhueng / Getty Images/EyeEm

CrippledUnironically

Publicidade

7. "Eu tinha cerca de 10 anos e vi minha avó parada na porta da frente olhando para fora. Ela estava conversando com meu pai. Eu não conseguia ver o rosto do meu pai porque ele estava de costas para ela, mas ele estava sem camisa. Ele tinha um verruga muito distinta no meio de suas costas, então eu sabia que era ele. Ele estava murmurando algo que eu não conseguia entender. Minha avó estava dizendo algo como: 'Se você os ama tanto, por que você fez isso?' Minha mãe não estava lá para ver isso, porque ela havia saído momentos antes, após de receber uma ligação informando que meu pai estava dirigindo bêbado e bateu o carro na estrada. Ele estava no hospital tentando ficar vivo".

A woman leans out of a door looking into the daylight outside
A woman leans out of a door looking into the daylight outside

Thomas Kokta / Getty Images

The-Singing-Bluebird

8. "Minha bisavó e minha mãe eram muito próximas, mas viveram no exterior separadas uma da outra a vida toda. Elas se falavam no telefone todo domingo, mas como era uma ligação internacional, era extremamente caro, então elas se revezavam ligando todos os domingos às 8h para igualar o custo, porém, devido a uma diferença de quatro minutos nos relógios, minha vó sempre acabava ligando às 8h04.

A red telephone
A red telephone

The_burtons / Getty Images

Minha bisa morreu em uma terça-feira. Na semana seguinte, minha mãe e eu estávamos sentados tomando café da manhã, e minha mãe notou que eram 7h50. 'Nana estaria ligando a qualquer minuto!' Ela se emocionou, eu a confortei. Então, às 8h04, a p*rra do telefone toca. O visor do telefone diz 'Número desconhecido'. Nós olhamos um para a outro tipo, isso é algum tipo de piada de mau gosto? Ela atendeu e ninguém disse nada, houve apenas um som estático do outro lado da linha, e algumas gravações de voz distorcidas. As únicas palavras decifráveis ​​do gravador são: 'Esperamos que você aproveite sua viagem ao paraíso!' *CLIQUE* O telefone desliga. Absolutamente nenhuma explicação para isso. Essa história me deixa confuso até hoje."

smittywrbermanjensen

Publicidade

9. "Recebi esta mensagem de voz do nada e penso nisso até hoje. Era de um número que não reconheci, no Texas. Eles ligaram duas vezes, de manhã cedo, enquanto eu dormia, e deixaram uma mensagem. A coisa toda é bizarra. É uma velha, e soa como uma mensagem codificada sobre algum tipo de reunião. A parte mais estranha é que há dois sons de alguém desligando no final, então não sei se alguém me ligou e tocou uma gravação? É realmente bizarro e me assusta. Eu pesquisei o número várias vezes e não tive sorte de encontrar qualquer tipo de pista sobre quem deixou a mensagem ou por quê."

An elderly woman smirks in the dark
An elderly woman smirks in the dark

Casarsaguru / Getty Images

boxelder88

10. "Em 2009 minha carteira e meu BlackBerry foram roubados em um posto de gasolina. Troquei meus cartões e segui minha vida. Em 2014 comprei um carro novo para mim mesmo. Era um carro Comcast. Dirigi até a casa dos meus pais e meu pai e eu estávamos vasculhando o carro novo, procurando coisas como o pneu extra, etc. Encontramos minha carteira de motorista debaixo do banco do passageiro. Achei que tinha esquecido de guardá-la na concessionária e ela havia caído no chão, então abri minha carteira para colocar. Eu já tinha uma carteira de motorista na carteira. A identificação que estava embaixo do banco era a que havia sido roubada em 2009. Em um carro de outro estado, que não tinha sido lançado na época do roubo, que comprei por acaso cinco anos depois."

A driver's license
A driver's license

Ben Harding / Getty Images/iStockphoto

chiliedogg

Publicidade

11. "Eu tinha um pesadelo recorrente de um parasita preto sugando minha vida. Às vezes ele esperava em cantos escuros do quarto até eu dormir. Eu estava muito estressado durante esse período, e meus gatos vinham dormir na cama comigo. Comecei a ter uma coceira no peito, bem onde sonhei que o parasita estava sugando a minha vida, então fiquei doente e senti um caroço do tamanho de uma ervilha. Fui ao meu médico e eles pediram uma biópsia. Eu tive câncer de mama masculino aos 28 anos. Depois que me recuperei, o sonho nunca mais voltou, e meus gatos voltaram a dormir em seus lugares habituais, não na minha cama. O sonho foi assustador, mas a parte mais legal foi meus gatos me protegendo."

Tetra Images / Getty Images/Tetra images RF

Mechanic84

12. "Era apenas uma noite normal de sábado, eu estava sozinho em casa assistindo TV com meus dois cachorros, quando ouvi um barulho vindo do porão. Parecia só que alguém estava mexendo nos eletrodomésticos lá embaixo. Porém, não há acesso ao porão, apenas pelos quartos do andar de cima, onde eu estava, então eu sabia que ninguém poderia ter entrado e sem passar por mim. Sabendo disso, eu não estava tão assustado quanto você poderia pensar - mas curioso para saber o que era o barulho ...

A dimly lit basement with washers and dryers
A dimly lit basement with washers and dryers

Farukulay / Getty Images

Um dos meus cachorros é briguento e quer lutar com tudo e todos. Ele também ouviu o barulho e correu para o porão para investigar. Desci lá e vi que era meu outro cachorro batendo a cabeça em nossa secadora e freezer. Meu cachorro briguento ficou ali olhando, confuso. Então eu me aproximei do meu outro cachorro e o acalmei. Todos nós voltamos para o andar de cima. Isso me assustou porque era um comportamento tão estranho para o meu cachorro.


30 minutos depois, a batida começa novamente. Eu imediatamente olho para o meu cachorro e ele está deitado, mas ele também está ciente do barulho lá embaixo. Corremos para o porão e agora é o cachorro briguento que está batendo a cabeça. Eu o acalmei e voltamos para o andar de cima novamente.


Já se passaram três anos, então isso exclui tumores cerebrais, que é o que eu li que poderia fazer com que os cães batessem a cabeça. Nada assustador aconteceu desde aquela noite."

EyeBumGaze808

Publicidade

13. "Tive um breve sonho lúcido e a cena aconteceu na vida real alguns dias depois. Tenho 200% de certeza disso porque mantenho um diário dos meus sonhos e a mesma situação aconteceu, exatamente."

CBC Television

[deleted]

14. "Um dia, cheguei em casa do trabalho com fones de ouvido, no telefone com minha mãe. Fui até a cozinha fazer um lanche e vi minha colega de apartamento (e melhor amiga de infância) sair do quarto. Nossos quartos ficavam em frente um do outro e todos eram muito confiáveis, então íamos livremente aos quartos um do outro para pedir roupas emprestadas, uma escova de cabelo, perfume, etc. Ela parecia ter acabado de sair do banho, estava encharcada, envolta por uma toalha branca. Lembro-me distintamente de seus longos cabelos...

A woman in a robe with. towel around her head after a shower
A woman in a robe with. towel around her head after a shower

Invizbk / Getty Images

Não achei nada sobre isso, peguei meu lanche, desliguei do telefone com minha mãe e fui para o meu quarto assistir TV. Uma hora se passou e eu fui para a cozinha limpar meu prato. Minha colega estava lá fazendo algo para comer e eu perguntei: "Ei, o que você pegou no meu quarto mais cedo?" Ela me olhou confusa e disse: "Do que você está falando?"


Expliquei que a vi entrar no meu quarto, mas eu estava no telefone com minha mãe na hora, então não a cumprimentei. Ela me perguntou se eu tinha certeza de que a vi. Eu disse que sim, 100 por cento. Ela me disse para pegar minhas chaves e meu telefone e ir para o carro dela o mais rápido possível, porque ela precisava me mostrar algo. Peguei meu telefone, peguei minhas chaves no balcão da cozinha, junto com minha bolsa, e ela me arrastou até seu carro. Então, ela me disse que tinha passado a noite na casa do namorado dela, e só tinha chegado em casa cinco minutos antes de começarmos a conversar. Ela não tinha ideia de quem eu havia visto.


Eu nunca vou esquecer o olhar em seu rosto quando ela me disse isso – medo e pânico completos. Ela chamou a polícia e eles vieram junto ao dono do apartamento. Eles verificaram o local e não encontraram ninguém. Nada estava fora do lugar, e eles verificaram todos os cantos e recantos. O dono do apê mandou a manutenção trocar nossas fechaduras e nos deu novas chaves, mas minha amiga me disse que estava ouvindo barulhos do banheiro já há uma semana, como garrafas se movendo, e quando ela foi verificar, não encontrou nada. Ainda não tenho ideia de quem eu vi entrando e saindo de nossos quartos, mas a pessoa parecia muito minha amiga. Isso foi em 2014 e ainda me sinto louca quando penso nisso."

sm1020

Publicidade

Veja também