Como começar um diário do coração (ou uma enciclopédia sobre você)

Um caderno especial, separado do diário/agenda/caderno do dia a dia, em que você pode escrever as coisas significativas que estão realmente próximas do seu coração e que você deseja ler ou consultar repetidas vezes.

Taylor Miller / BuzzFeed

O diário é uma das minhas formas favoritas de praticar o autocuidado. Diário em tópicos [bullet journal]. Morning pages. Eu faço tudo isso.

Eu tenho mantido diários de uma forma ou outra desde os 8 anos de idade e, no ano passado, comecei um novo diário que eu realmente curti: um diário do coração.

A melhor maneira de explicar este diário é que ele é basicamente uma “enciclopédia sobre você”. É um caderno especial, separado do diário/agenda/caderno do dia a dia, em que você pode escrever as coisas significativas que estão realmente próximas do seu coração e que você deseja ler ou consultar repetidas vezes.

Publicidade

Taylor Miller / BuzzFeed

Taylor Miller / BuzzFeed

Publicidade

A ideia do diário do coração surgiu depois que me vi com um punhado de passagens e listas que eu copiava repetidamente em meus novos diários – ou que eu não copiava e, então, tinha que ficar indo toda hora à minha estante de livros para consultar em um diário antigo. Finalmente, ocorreu-me que provavelmente fazia mais sentido apenas escrever todas essas coisas em um próprio caderno separado.

Embora este pequeno diário de referência tenha começado por questões práticas, ele evoluiu para algo muito mais próximo do meu coração (daí o nome). Depois que o comecei, descobri que ter um único caderno onde eu documento as coisas que são significativas para mim e que me fazem quem eu sou é fundamental, especialmente quando o mundo ao redor parece fora de controle. É como um pequeno scrapbook da alma.

Taylor Miller / BuzzFeed

Publicidade

Para fazer o seu próprio diário do coração, você só precisa de um caderno e uma caneta! Aqui estão algumas ideias do que você pode incluir em seu diário:

  • Sua linguagem amorosa

  • Ideias para momentos de autocuidado

  • Elogios ou palavras gentis que te deixaram feliz

  • Poemas e citações que falam ao seu coração

  • Orações, meditações ou mantras que tocam seu coração

  • Coisas que você admira em você mesmo(a)

  • Receitas que nutrem seu corpo e espírito

  • Um mergulho profundo no seu mapa astral

  • Notas sobre os seus cristais favoritos ou óleos essenciais

(Além disso, embora o diário mostrado nestas fotos seja baseado no meu diário do coração, na verdade ele é algo que criei especialmente para este post – algo com a letra bem caprichada e que ficasse lindo nas fotos. O diário do coração é algo privado e para você, não para os outros)

Taylor Miller / BuzzFeed

Publicidade

Se você não consegue pensar em um monte de coisas para colocar no seu diário do coração, tudo bem! Novas coisas vão se revelando conforme o tempo passa.

Eu também não tinha muitas coisas escritas neste meu diário no começo; afinal de contas, as novas entradas precisam resistir ao teste do tempo (de ... alguns meses, hehe) antes de serem escritas ali.

Taylor Miller / BuzzFeed

Publicidade

Recentemente, fiz do ato de atualizar meu diário do coração quase um ritual. No final de cada mês, reservo uma noite para isso. Então, acendo uma vela (normalmente a mais cara que eu sempre digo a mim mesma que estou "reservando para uma ocasião especial" ); faço chá; me hidrato; visto minha roupa mais gostosinha; e sento com meu diário do coração.

Se eu não tenho nada de novo para adicionar, o que, para ser honesta, acontece bastante, eu releio o que escrevi nos últimos dois anos e apenas faço uma pequena autorreflexão.

Quando termino, passo um tempo encerrando o mês anterior no meu diário principal. É basicamente uma pequena noite de namoro e de autocuidado comigo mesma.

Taylor Miller / BuzzFeed, Taylor Miller / BuzzFeed, Taylor Miller / BuzzFeed

Publicidade

Nem tudo em seu diário do coração tem que ser mega profundo, mas provavelmente ali ficarão as coisas mais constantes de sua vida.

Taylor Miller / BuzzFeed

Publicidade

Uma nota sobre os cadernos: acho que vale a pena usar para o diário do coração um que seja um pouco mais chique do que o que você usa no seu diário do dia a dia. Não precisa ser extravagante ou caro, mas deve ser especial e despertar um pouco de alegria em seu coração sempre que você olhar para ele.

E embora eu inicialmente não tenha criado um índice ou números de página no meu, recentemente os adicionei porque percebi que será útil agora que estou adicionando mais ao meu diário do coração.

Taylor Miller / BuzzFeed

Publicidade

Taylor Miller / BuzzFeed

Mas essas são só sugestões! Em última análise, o seu diário do coração é para você. Um diário do coração é uma coisa especial e privada que não precisa falar para os seus seguidores no Instagram; só precisa falar para você.

Publicidade

Taylor Miller / BuzzFeed

Um diário do canto do coração é apenas uma maneira simples de documentar e honrar o que está em seu coração, e lembrar a si mesmo(a) que, embora a vida possa parecer sombria e difícil às vezes, você ainda está aqui e você é o suficiente.

Publicidade


Se você está curioso, aqui está um pouco mais sobre algumas das referências nas páginas mostradas acima [todos os links a seguir estão em inglês]: Receita de massa com manteiga de limão, receita de chá calmante, Teste do 16Personalities, as cinco linguagens do amor, poesia de Warsan Shire, poesia de Rupi Kaur, "Diferenças de Opinião"de Wendy Cope, e mapa astral de Susan Miller.

Outras notas: o chá rosa é da
orever Nuts, as canetas são da Poppin e da Pilot, o bule é da Pinky Up, os clipes de encadernação de metal estão disponíveis na Amazon, e a fita washi floral de ouro é da Paper Source.

Estilo fotográfico: John Gara. Obrigado ao
ABC Carpet and Home por nos emprestar os grandes cristais e outros artigos diversos.

Publicidade


Publicidade