Christopher Plummer, estrela de "A Noviça Rebelde", morre aos 91 anos

Plummer foi um dos atores mais velhos a receber um Oscar, graças ao seu papel em "Toda Forma de Amor".

Christopher Plummer, ator canadense mais conhecido pelo seu papel como Capitão Von Trapp, em "A Noviça Rebelde, morreu nessa sexta-feira aos 91 anos.

Joe Klamar / Getty Images

Sua morte foi confirmada à mídia pelo seu amigo e gerente Lou Pitt, que contou ao BuzzFeed News US que Plummer morreu em sua casa em Connecticut, com sua esposa Elaine Taylor ao seu lado. A causa da sua morte não foi divulgada.

“Chris era um homem extraordinário, que amou e respeitou profundamente sua profissão à moda antiga, com humor e musicalidade nas palavras," contou Pitt.

Ron Galella / Ron Galella Collection via Getty

"Ele foi um tesouro nacional que abraçava suas raízes canadenses. Através da sua arte, ele tocava o coração de todos. Sua vida deixou um legado para muitas gerações por vir, e sempre estará entre nós."

Publicidade

Com sua presença de palco e na tela por mais de sete décadas, a carreira de Plummer se renovou nos últimos anos conforme assumia papéis mais desafiadores, como um bancário sinistro em "O Plano Perfeito" (2006) de Spike Lee, e John Paul Getty em "Todo o Dinheiro do Mundo" (2017) – papel que ele assumiu no lugar de Kevin Spacey quando o ator foi acusado de assédio. Com esse último papel, Plummer foi indicado ao Oscar.

Richard Lautens / Getty Images

Ele também foi indicado ao prêmio por interpretar o autor russo Leo Tolstoy em "A Última Estação" (2009).

Depois de décadas na tela, Plummer finalmente ganhou um Oscar por melhor ator coadjuvante em "Toda Forma de Amor" (2010), em que ele interpretou um pai que se assumia gay depois de mais velho.

Steve Granitz / WireImage

Recebendo o prêmio aos 82 anos, ele se tornou o ator mais velho a ser premiado pela Academia.

"Você só é dois anos mais velho que eu, querido," ele disse ao receber o troféu. "Onde você esteve?"

Publicidade

Mas talvez seu papel de maior sucesso foi em "A Noviça Rebelde" (1965), em que o pai de Plummer lentamente se apaixonava pela noviça que se tornou babá, interpretada por Julie Andrews.

20th Century Fox Film Corp

Plummer falou que odiou fazer o filme, por achar muito sentimental, mas aprendeu a entender e aceitar o amor dos fãs pelo filme.

"Ainda me persegue, não consigo me livrar desse filme," ele disse em 2015. "Mas aprendi a me comportar sobre esse assunto."

Em sua carreira, Plummer também ganhou prêmios Tony, Emmy e Globo de Ouro.

Outros papéis conhecidos dele foram Mike Wallace em "O Informante" (1999), o patriarca sueco rico em "Millennium: Os Homens que Não Amavam as Mulheres" (2011), e o escritor misteriosamente assassinado em "Entre Facas e Segredos" (2019).

Michael Ochs Archives / Getty Images

“Ninguém se aposenta na nossa profissão. Nós continuamos até o caixão," Plummer comentou em 2019. "E atuar – aprender todas as novas falas – ajuda a manter meu cérebro vivo."

Publicidade

Esse post foi traduzido do inglês.