Chloé Zhao é a primeira diretora da Marvel com um Oscar de Melhor Direção

Isso mesmo que você leu.

BuzzShe

Ontem (24), Chloé Zhao recebeu dois (!!) prêmios no Oscar pelo filme "Nomadland".

Getty Images

Ela levou pra casa a estatueta de Melhor Filme e Melhor Direção.

Chloé fez história ao ser a segunda mulher a receber esse prêmio da Academia, sendo assim a primeira mulher não-branca vencedora da categoria.

Getty Images

A outra Melhor Diretora do Oscar foi Kathryn Bigelow, que recebeu o prêmio em 2010 com "Guerra ao Terror", que também foi escolhido o Melhor Filme do ano.

Pois é, só duas mulheres vencedoras da Melhor Direção em 93 premiações do Oscar. Até parece chacota, né?

Publicidade

E agora, com apenas três longa-metragens na manga, ela vai ser a primeira Melhor Diretora dos filmes do Universo Marvel, estreando em "Os Eternos"!

Getty Images

Nesse filme, ela está liderando um PUTA elenco: Angelina Jolie, Richard Madden, Kumail Nanjiani, Gemma Chan e Kit Harrington – isso só pra citar alguns pequenos nomes de Hollywood.

O filme, como vários outros de 2020, sofreu atrasos de produção. Sua data de estreia mundial está prevista para 5 de novembro, e vai ser parte da fase 4 do MCU, junto com "Viúva Negra" (previsto pra julho desse ano) e "Shang-Chi e a Lenda dos Dez Anéis" (previsto pra setembro).

Divulgação

Isso quer dizer que ainda não temos trailers oficiais pra ter noção do tamanho da produção (kk). O pouco que se sabe é que esse filme terá o primeiro relacionamento LGBTI+ aberto dos Estúdios Marvel.

Publicidade

A história é a seguinte: depois dos eventos de "Vingadores: Ultimato" – e provavelmente de todas as séries do MCU de 2021 – os Eternos têm que voltar sua aparição à Terra para combater os Deviantes.

Marvel

Tanto os Eternos e os Deviantes são raças quase imortais criadas pelos Celestiais, seres que ainda meio que são uma incógnita no MCU. Dois Celestiais já apareceram nos filmes: Eson, o Pesquisador, aparece em um clipe rápido em "Guardiões da Galáxia" quando o Colecionador fala sobre as Pedras do Infinito, e Ego, o pai de Peter Quill em "Guardiões da Galáxia Vol. 2".

Não me pergunte mais porque eu também não tenho as respostas!!! Para os marvetes de plantão, essa história já está mais explicada nos quadrinhos.

Em uma entrevista à THR, Chloé disse que quer fazer o filme não só como uma cinegrafista, mas também como fã. Com tanto talento e vontade, não tem como ficar ruim, né?

Getty Images

Publicidade