Atendentes de centrais de emergência contam quais foram as ligações mais esquisitas que já receberam

Faz parte do treinamento não rir na ligação?

Não é um choque para ninguém que atendentes de central de emergências recebem um monte de ligações sérias e importantes todos os dias. Mas o que você não imagina é que eles também recebem horrores de ligações bizarras e engraçadas de pessoas que se colocaram em situações constrangedoras.

Reprodução

Um usuário no Reddit perguntou quais foram as ligações mais engraçadas que já receberam, e aqui estão algumas das melhores respostas:

Publicidade

1. Um irmão malvado:

"Uma criança ligou pra polícia porque queria que prendessem o seu irmão. A mãe deles disse que era para eles dividirem o Lego, mas o irmão não queria. Ele falou que seu irmão afirmou que estava brincando com todos os Legos, o que era impossível. Tinha muitos Legos para um só brincar com todos eles ao mesmo tempo, o irmão que estava na linha argumentou. Portanto, o irmão era um mentiroso, bobo e feio, e nós precisávamos prendê-lo. Nós nos certificamos de que não era um pedido de socorro codificado, então pedimos para falar com um adulto. Confirmamos que não havia nenhuma emergência e fechamos o caso. Dividam os brinquedos, crianças".

u/WatchTheBoom

2. Uma camiseta perigosamente apertada:

"Eu recebi uma ligação de um homem pedindo ajuda para retirar uma camiseta de compressão de treino. Ele deslocou o ombro enquanto a vestia, estava com ela pela metade quando o braço travou e deslocou. Ele estava rindo e disse: 'Eu até dirigiria ao hospital, mas teria que fazer isso com um braço para fora da janela!'".

u/Dispatcher12

Publicidade

3. Uma emergência de família:

"Uma vez, eu liguei para a emergência porque cortei o dedo e queria falar com a minha mãe, que era atendente. Eu liguei chorando e pedindo para falar com ela. Ela ficou mais brava com o meu pai, que não acordou quando eu tentei pedir ajuda para ele".

u/RAnDomBandGirl

NBC

Publicidade

4. Um monstro assustador:

"Uma vez, um homem adulto me ligou falando sobre um monstro que estava tentando entrar no quarto do seu filho. O filho explicou que o monstro subiu na árvore e estava na janela do quarto. Ele era do tamanho de um cachorro e tinha mãos iguais às dele, mas pequeninas. Eu perguntei pro garoto se o bicho tinha listras no rabo, e ele disse que sim. No final das contas, eles tinham se mudado para os Estados Unidos há um mês e nunca tinham ouvido falar sobre guaxinins. Eu não consegui colocar a ligação no mudo rápido o suficiente, e o pai me ouviu rir. Eu acho que isso ajudou a acalmá-lo. Eu expliquei que era um o animal que costuma revirar as lixeiras e dei boas vindas a floresta selvagem".

u/asportate

5. Uma criança preocupante:

"Eu era atendente da polícia anos atrás, e essa ligação ainda me faz rir. Uma mãe cansada ligou porque o seu filho de seis anos subiu no telhado e ela não conseguia trazê-lo de volta. Ela ficava gritando, falando sobre como a gente deveria se apressar, mas não porque ela estava com medo de que ele se machucasse. Aparentemente, ele já tinha aprontado essa e, na última vez, ele fez xixi na ventilação".

u/VagabondPTA

Publicidade

6. Um enigma gatastrófico:

"Alguém me ligou dizendo que tinha prendido a cabeça dentro do arranhador do gato. O gato estava preso também. Durante a ligação, eu escutava coisas tipo 'ai, merda' e 'cara, isso também não tá sendo divertido para mim'".

u/Razvee

NBC

Publicidade

7. A pergunta que vale ouro:

"Meu pai costumava ser responsável pela central de emergências da nossa região. Eu lembro de uma história, em 2009, em que um cara ligou e perguntou quanta maconha ele poderia levar no carro viajando pelo estado. Eles ficaram uns 20 minutos conversando, o cara repetindo e reformulando a pergunta, e meu pai só respondendo 'zero'."

u/FarmerExternal

8. Um pacotão de presente de dia dos pais:

"Era dia dos pais, e uma criança ligou pelo menos seis vezes em torno das 22 horas. O garoto nunca ficava na linha o tempo suficiente para conseguirmos rastrear o celular. Aí, ele começou a falar que o bichinho de pelúcia estava 'doente'. Nós pedimos para conversar com os pais dele, e ele disse que eles estavam na cama e a porta estava trancada. Nós pedimos para ele bater na porta e, em seguida, ele disse que estava preso no quarto.

Neste momento, um policial já estava a caminho da casa da criança para se certificar de que estava tudo bem e avisar os pais dele que estava ligando. O policial voltou à central e começou a contar que o pai abriu a porta vestindo só uma cueca boxer e que ficou bem nervoso quando descobriu que seu filho estava ligando para a emergência. Aparentemente, a mãe estava dando o presente de dia dos pais para ele quando o policial chegou".

u/steveb106

Publicidade

9. Uma ligação amigável:

"Quando eu tinha uns 6 anos, estava em casa e liguei para a polícia perguntando se eles podiam ir brincar comigo, pois eu não tinha amigos. Eles apareceram — porque eles são obrigados — e eu ganhei uma bronca da polícia e dos meus pais militares sobre a gravidade de ligar para o 190".

u/Arizona_daisy_girl

Reprodução

Publicidade

10. A aparição do chupa-c...

"Comecei a trabalhar como atendente de emergências e ganhei hora extra no meu primeiro turno. A regra é que, quando alguém insiste que viu algo, nós aceitamos aquilo como verdade e entramos na ligação. Bom, uma mulher me ligou depois da meia noite jurando que tinha visto um chupa-cabra em Orlando (EUA) e insistindo que um policial verificasse a área. Um pouco depois disso, um colega que estava de folga saiu do prédio. Dois minutos depois, ligou para nós dizendo que viu um canguru pulando pela rua".

u/Brent_L

11. Um crime de dança:

"Um amigo foi abordado pela polícia porque estava fazendo 'liquid dance' na estação de trem. É um estilo de dança que fazem em raves, em que as mãos se mexem de um jeito em que parecem ser líquidas. Alguém ligou para a polícia porque estava com medo de que fosse algo satânico ou coisa parecida".

u/minimagess

Publicidade

12. Um animal raivoso:

"Uma mulher ligou para a polícia três vezes em 10 minutos porque viu um animal de serviço no shopping. 'Ele está me encarando! Não, não quero saber se ele é de serviço. Ele acabou de lamber as próprias bolas!'".

u/EMdoc89

NBC

Publicidade

13. A mão invisível do mercado:

"Eu atendi a uma ligação em que um homem insistia que estava brigando com um cara fantasiado de Pepsi gigante. Ele disse que tinha roubado o seu cartão e se recusado a devolver. Quando chegaram ao local, os policiais me disseram que o homem estava completamente chapado e brigando com uma máquina de vendas automática".

u/placeintheways

14. Um botão do pânico mal planejado:

"Eu chamei a polícia sem querer na casa da minha avó. Eu entrei no quarto e tentei acender a luz, mas o interruptor não funcionou. Tentei mais algumas vezes, daí encontrei um interruptor que funcionou. Depois descobri que o primeiro interruptor era um alarme que chamava a polícia. Eu me escondi embaixo da cama quando eles chegaram".

u/angelerulastiel

Publicidade

15. Algumas letras podem fazer toda a diferença:

"Eu sou de uma cidade pequena onde todos se conhecem. Meu tio é policial, então todos os atendentes conhecem minha avó super bem. Um dia, meu tio estava mexendo em uma fiação no porão e levou um choque. Ele ficou inconsciente, mas não foi nada grave. A minha vó ligou para a emergência e gritou no telefone 'É a Kate, o Jimmy foi eletrocutado!', mas o que o atendente ouviu foi 'Jimmy foi baleado!'. Todos os policiais, xerifes, ambulâncias, paramédicos, bombeiros e guardas-florestal da cidade apareceram na casa da minha avó. Meu tio ficou super confuso e constrangido quando acordou".

u/Nobodys_Perfect96

NBC

Publicidade

16. Uma ligação perturbadora:

"Uma mulher ligou porque achou que um cantor estava tendo uma parada cardíaca no trailer dela. Eu comecei a dar instruções de reanimação cardiopulmonar, e quando a ambulância chegou ao local, ela estava fazendo compressões em um sofá".

u/Dethmonger

17. Uma situação esquisita do início ao fim:

"Um cara ligou porque o cachorro dele tinha mordido uma gaivota e estava 'esquisito'. Ele exigiu que a gente encontrasse, capturasse e fizesse exame de raiva no pássaro. Toda a história era estranha e ele se negava a escutar conselhos sensatos, tipo que pássaros não transmitem raiva".

u/Sho0terman

Publicidade

18. Um problema de pênis:

"Uma vez, um cara ligou enquanto eu estava sendo treinado e falou que cortou o pênis. Quando eu perguntei novamente, para esclarecer, a treinadora bateu no meu braço e disse que ele tinha cortado a mão. Ela olhou pra mim como se eu fosse o maior pervertido! Depois de 10 segundos, ele disse: 'Sim, eu estava tentando colocar uma camisinha que era muito pequena e tive que cortá-la, daí cortei meu pênis!'. Ela quase não conseguiu segurar a risada".

u/macmartijp14

NBC

Publicidade

19. Por que a galinha atravessou a rua:

"Uma vez, conversei com um entregador de pizza que não conseguia chegar a seu destino porque uma galinha estava no meio da rua. Eu fiquei com ele na linha enquanto ele implorava para que ela fosse embora e pudesse seguir o caminho".

u/placeintheways

20. O dia de Ação de Graças destruído:

"Em uma manhã de Ação de Graças, perto das 5 horas da manhã, eu recebi uma ligação de uma mulher que precisava de ajuda para fazer um peru. Eu disse que a linha era de emergência, e ela informou que isso era uma emergência, porque iria receber a família naquela noite. Eu segui todos os protocolos para verificar se aquilo era uma questão doméstica em que o indivíduo não consegue falar livremente, mas não era o caso. Eu me desculpei pelo problema dela, mas informei que aquilo não era uma emergência de verdade e que precisava manter a linha livre.

Ela ligou novamente duas vezes e desligou quando reconheceu a minha voz. Informei que eu era a única pessoa trabalhando naquela manhã, e ela desligou antes que eu conseguisse dizer que a polícia iria até a casa dela caso ligasse novamente. Cerca de 10 minutos depois, ela ligou contando uma história triste sobre o seu dia de Ação de Graças estar arruinado e dizendo que precisava de ajuda para salvá-lo para a sua família. Eu disse que a polícia estava a caminho da casa dela, e ela achou que eu estava blefando até eu ler o seu endereço. Ela desligou de novo.

A polícia chegou ao local e ela se fez de boba, como se não soubesse porque eles estavam lá. Ela recebeu uma advertência e, ainda por cima, ligou de novo para me criticar e registrar uma queixa por eu ter assustado os seus filhos".

u/kejigoto

Publicidade

21. E, por último, uma história muito louca:

"Uma vez, um cara ligou para a emergência porque estava preocupado com uma gaivota supostamente machucada no estacionamento de um restaurante. Ao que parece, enquanto estávamos no telefone, ele tentou pegar ou examinar o pássaro, e o animal começou a gritar. Daí ele começou a surtar, e eu não sabia mais o que era o pássaro e o que era o cara. Eu ouvi um som que pareciam asas batendo, um silêncio breve e, em seguida, o cara começou a hiperventilar e gritar dizendo que precisava de uma ambulância porque estava tendo um ataque cardíaco e que o pássaro voou. Eu não sabia se aquilo era real, então mandei uma ambulância por precaução. Quando eu estava transferindo a ligação para o serviço de emergência, ele ficou muito quieto e disse: 'acho que estou bem, te ligo depois', desligou e não atendeu o telefone quando tentamos retornar. Eu ainda penso naquela gaivota toda vez que passo por aquele restaurante."

u/indigofoxgivesnofox

Esse post foi traduzido do inglês.

Publicidade