A Marvel revelou o que rolaria se o Homem-Formiga entrasse no ~cy~ do Thanos

Enfim, uma resposta.

ATENÇÃO: O post a seguir tem SPOILERS do terceiro episódio de "What If…". Te avisamos!

Homem Formiga, Thanos e um selo do Buzzfeed com o escrito "AH PRONTO".
Homem Formiga, Thanos e um selo do Buzzfeed com o escrito "AH PRONTO".

Montagem sob reprodução e divulgação / Marvel

Thanos enfrentou os Vingadores e matou metade do universo em "Guerra Infinita", mas um herói se absteve da treta. Homem-Formiga não aparece no filme e, no distante e aglomerável 2018, fãs sentiram falta do personagem. Na época, circulou na internet a teoria de que Formiga poderia ter derrotado o vilão sozinho. Bastaria ele entrar no cu do gigante roxo e crescer de dentro pra fora. 

A piada ganhou força. Josh Brolin, intérprete do genocida, postou um vídeo brincando sobre o assunto, e até os irmãos Russo (diretores do filme) usaram o meme como foto de perfil.

Infelizmente, mesmo quando Thanos e Homem-Formiga se encontraram nos cinemas em "Ultimato", não presenciamos nada do tipo. A Marvel ignorou a ideia.

Até agora.

E se...?

Hank Pym vestido um traje de encolher em "What If...".
Hank Pym vestido um traje de encolher em "What If...".

Reprodução / Disney

A resposta veio no terceiro episódio da nova série do estúdio, "What If..." (ou "E se...", em tradução não oficial). A produção mostra, por meio de desenhos animados, o que aconteceria se pequenos detalhes dos filmes fossem alterados - gerando efeitos borboleta devastadores no final dos episódios.

E é nesse mundo de "imagina só se..." que a teoria é abordada, ainda que de um jeito bem menos escatológico. O episódio mostra o que aconteceria se membros dos Vingadores fossem assassinados antes mesmo do grupo ser formado.

Os crimes são estranhos, heróis parecem morrer do nada. Até que o plot é explicado.

Neste universo paralelo, Hope Van Dyne, a Vespa, era uma agente que morre durante uma missão comandada por Nick Fury. Seu pai, Hank Pym, decide então usar a tecnologia do Homem-Formiga para matar heróis e se vingar do ex-chefe da filhota.

É nesse cenário que a reposta sobre a teoria aparece.

Publicidade

Homem-formiga quase no cu do Thanos - quase.

Hulk olhando para baixo, assustado.
Hulk olhando para baixo, assustado.

Reprodução / Disney

Hank mata o Homem de Ferro, Viúva Negra, Thor e Gavião Arqueiro, mas a teoria anal sobre Thanos é revelada na hora do assassinato do Hulk.

O vilão se aproveita do momento em que Hulk ainda está calmo, como Bruce Banner, e entra no corpo do herói. Pelo cu? Não! Por uma bala de revólver. O ataque faz o personagem se transformar e virar o gigante cor de esmeralda. É aí que as histórias se cruzam.

Hulk já mostrou ter um porte físico extremamente semelhante ao de Thanos. Os dois caem na porrada no começo de "Guerra Infinita", e fica implícito que o vilão só não perde porque não é burro como o verdão. A vitória vem mais pelo cérebro e pela técnica do que pelo muque. Dá pra inferir, então, que o que rolar com Hulk é bem parecido do que aconteceria com Thanos.

Dito isso, quando Hank está dentro da corrente sanguínea do herói, ele joga um disco que aumenta coisas no coração do bicho.

O resultado? O coração cresce dentro do Hulk até não só o matar, como explodi-lo.

Provando que Formiga, de fato, poderia matar Thanos de dentro pra fora.

Científicamente provado!

As adaptações na teoria proctológica de Thanos, aliás, tornaram a história possível (dadas as circunstâncias) pelos olhos da ciência.

Isso porque, no meio da discussão toda, os jornalistas do site geek Nerdist tentaram decifrar se Formiga realmente poderia derrotar o vilão crescendo dentro dele. Fizeram cálculos e descobriram que: não.

Eis que os músculos de Thanos seriam fortes o suficiente para esmagar o Vingador, caso ele aumentasse no seu reto. Seria como colocar um ser humano dentro de um cano apertado, porém resistente.

"What If...", no entanto, não mata Hank Pym. Afinal, não é o homem que fica gigante, correndo o risco de ser esmagado - ele faz os próprios resistentes músculos do monstrão o matarem.

Publicidade

Veja também