A Gabriela fez um post sobre como é ser uma mulher trans

E o que você pode fazer para não ser ofensivo com elas.

Essa é a Gabriela, que escreveu em seu Facebook um post que pode ajudar pessoas não serem ofensivas com mulheres trans.

Gabriela é uma mulher trans e professora de inglês.

1. Separamos alguns itens importantes, como por exemplo:

Publicidade

2. Coisas bem comuns de se ouvir por aí.

3. Inclusive algumas ofensas disfarçadas de "elogios".

Publicidade

4. Assim como alguns termos.

A não ser que a própria pessoa use estes termos para se referir a si própria.

5. Uma mulher trans pode ter diversas orientações sexuais.

Publicidade

6. Porque mulher trans é mulher.

7. Se você "tem curiosidade", pode desistir da ideia.

8. Cada pessoa sabe do seu próprio corpo.

9. E cada um sabe o que é dentro de si.

10. A transfobia marginaliza as pessoas.

11. Perguntar é sempre o melhor caminho.

12. Ser conivente também é uma forma de ser preconceituoso.

13. Não é "mimimi".

Você pode ver mais no post original da Gabriela no Facebook.