9 desenhos que tiveram episódios proibidos por motivos bem doidos

Palavrões, cigarros, nudez e muito mais. Tudo isso em desenhos PARA CRIANÇAS.

1. Em um episódio de "Tiny Toons", Perninha, Plucky e Presuntinho enchem a cara de cerveja, roubam um carro e sofrem um acidente.

Reprodução / Warner Bros.

No fim do episódio eles ROUBAM UM CARRO DE POLÍCIA e sofrem um acidente de trânsito e vão para o céu, como uma clara mensagem de não misturar bebida e direção.

2. O episódio dos "Flinstones" onde Barney e Fred fumam um cigarro.

Reprodução / Via youtube.com

Nos anos 1960 o cigarro nas propagandas era algo bem comum e isso chegou, acredite, em um desenho infantil de grande sucesso. Com o passar dos anos esse episódio foi se tornando cada vez mais fora de moda, especialmente por conter grandes atos de machismo dos dois homens das cavernas.

Publicidade

3. "A Vaca e o Frango" teve o primeiro episódio censurado nos EUA. Tudo isso porque o Frango foi para o inferno porque queria fumar cigarros e encontra "Bum de Fora".

Reprodução / Cartoon Network

"Bum de Fora" é ninguém menos do que o demônio em pessoa. O problema deste episódio é que o demônio tortura o pobre Frango. Dá pra assistir o episódio no YouTube.

4. Outro episódio censurado é este aqui onde uma gangue de motoqueiras invade a casa dos irmãos e acaba levando a Vaca para brincar junto com elas.

Reprodução / Via youtube.com

A alegação para a proibição é que o episódio faz referências ao lesbianismo, o que faz a proibição parecer um tanto quanto preconceituosa. Também falam do excesso de piadas de duplo sentido.

Publicidade

5. "South Park" gerou a maior confusão com um episódio onde uma estátua da Virgem Maria espirrando sangue menstrual na cara do Papa.

Reprodução / Comedy Central

O episódio em questão causou indignação entre bispos da Nova Zelândia que pediram o boicote da série no país. Você pode assistir o episódio por sua conta e risco aqui.

6. "Cavaleiros do Zodíaco" teve uma cena de um de seus filmes cortadas – porque uma Bíblia é jogada no fogo.

Reprodução / Toei Animation / Via youtube.com

No trecho em questão, o cavaleiro Hyoga está explicando quem é Lúcifer para os demais cavaleiro e ao ilustrar sua história surge uma Bíblia sendo desintegrada no fogo. Na primeira versão deste filme que chegou ao Brasil, de 1995, essa cena não estava disponível, vindo a aparecer apenas muitos anos depois.

Publicidade

7. Os peitos de James causaram uma censura no episódio "Férias em Acapulco", de "Pokémon".

Reprodução / Team Ota

"Pokémon" é um desenho que teve VÁRIOS episódios censurados que tiveram uma ou nenhuma exibição em alguns países, um dos mais famosos é este em que o personagem masculino James aparece com peitos infláveis para poder burlar uma competição de biquinis.

8. O ataque epilético causado por uma cena cheia de luzes de "Pokémon".

Reprodução / Via youtube.com

No episódio "Porygon, o soldado elétrico", acontece esta cena uma sequência de luzes causadas por um choque de Pikachu combinado com o outro Pokémon, isso causou mal estar, dores de cabeça e alguns casos de ataques epiléticos em crianças quando exibido no Japão.

Publicidade

9. Em "O Laboratório de Dexter" há um episódio em que tanto ele quanto sua irmã falam vários palavrões.

Reprodução / Cartoon Network

O episódio "Rude Removal" era apenas uma piada interna dos produtores e continha uma série de palavrões e gestos obscenos dos personagens e por isso nunca chegou a passar na TV. Após muitas tentativas de exibi-lo de outras formas, muitos anos após sua criação, foi liberado no YouTube.

Veja também:

13 séries e desenhos muito doidos para ver quando você está loucão

Veja também