8 estereótipos sobre maternidade que precisamos reconhecer para combater

A maternidade não é e nem deveria ser o sonho de toda mulher.

A 65/10, consultoria especializada no comportamento das mulheres brasileiras, criou o "Mães Reais: Um Retrato da Maternidade no Brasil", uma apresentação sobre maternidade com pesquisa e análises para identificar quais são os estereótipos mais comuns sobre mães que a comunicação precisa parar de reforçar.

Todas as ilustrações desse post são do "Mães Reais" e foram criadas pela Anelise Bôa.

O report, que você pode ver aqui, também lista quais são os estereótipos prejudiciais sobre maternidade que nós continuamos repercutindo, muitas vezes sem perceber:

Publicidade

1. A maternidade como sonho de toda mulher.

Nem toda mulher sonha em ser mãe e a realização por meio da maternidade não deveria ser uma imposição. O ideal é que a maternidade seja uma das possibilidades para as mulheres.

2. A mulher que só é completa como mãe.

A ideia de que a mulher é um ser incompleto sem marido e filhos é parte da maternidade compulsória. Todo ser humano é completo e não deve ter seu valor atrelado ao seu relacionamento ou reprodução.

Publicidade

3. A romantização da gravidez.

A gravidez e o parto deveriam ser momentos de tranquilidade para preparar e receber uma nova vida, mas a pressão, dúvidas e muitas vezes a falta de suporte para a mulher é motivo de preocupação, frustração e dor.

4. A gravidez como único caminho para a maternidade.

A gestação não é o único caminho para a maternidade. Segundo o Conselho Nacional de Justiça, em 2019 foi adotada uma criança a cada quatro minutos no Brasil. Também é cada vez mais comum a família reconstituída, com filhos de diferentes relacionamentos.

Publicidade

5. A mulher como única responsável pelo cuidado dos filhos.

Segundo a pesquisa, essa é a realidade na maior parte dos lares brasileiros, e a comunicação tem a responsabilidade social de retratar também os homens como cuidadores.

6. A mãe perfeita, que nunca erra.

A pressão pela maternidade perfeita e por um ideal de mãe que se doa por inteiro à família é um conceito inatingível que aprisiona mulheres.

Publicidade

7. A mãe que está sempre feliz.

Embora traga muitas alegrias, a maternidade também é acompanhada de conflitos e dores. Ninguém é feliz o tempo todo. Nem as mães.

O report encerra com uma visão sobre como a pandemia de COVID-19 está afetando as mães no Brasil e sugere quais os fatores que os meios de comunicação devem considerar ao falar sobre maternidade durante essa crise:

Veja o report "Mães Reais: Um Retrato da Maternidade no Brasil" completo nesse link

Publicidade

Leia mais

Será que você está se transformando na sua mãe?

Escrito por Matheus Saad • há um ano

Mães e filhos descobrem se realmente se conhecem

Escrito por Gaia Passarelli • há um ano

Dia das Mães: 28 dos livros mais vendidos da Amazon por até 50 reais

Escrito por Luiz Guilherme Moura • há um ano

Quantas dessas frases de mãe você já falou?

Escrito por Lavínia Carvalho • há 2 anos

Quantos % sua mãe se parece com a Dona Hermínia?

Escrito por Matheus Saad • há 2 anos

Veja também