2019 será o ano do BlackPink e não me venha com chororô nos comentários

Um post importante e necessário sobre o primeiro grupo de K-pop a tocar no Coachella. NO. COACHELLA.

Brasil, chegou o momento de você se redimir.

Trading Spouses

"Chega!"

Sim, você. Você que nunca ouviu Little Mix...

Publicidade

CHEGA!!! Esta é sua chance de ser uma pessoa melhor.

Publicidade

2019 será o ano em que o país deixará de ignorar o lendário grupo de K-pop BlackPink.

Talvez alguns de vocês já conheçam o BTS, mas, francamente, sempre preferi o talento feminino.

Publicidade

Tendo dito isso, percebi que muitos brasileiros (tragicamente) não sabem quem ou o que é BlackPink. Então aqui vai um resumo rápido.

Trading Spouses

O BlackPink tem quatro integrantes.

E a minha favorita, Lisa:

Shopee

Juntas, elas fazem as Spice Girls parecerem basiquinhas, o icônico grupo dos anos 90 Dream um devaneio e Danity Kane a Danity Kananinanão*!

*E olha que eu amo as Spice Girls, idolatro o Dream e acho que Danity Kane é mais relevante que os Beatles. SÓ FALANDO.

Agora, algumas estatísticas.

Em 2018, o BlackPink bateu o recorde de todos os tempos – nos EUA – de música de um grupo feminino de K-pop mais tocada, com a canção “DUU-DU DDU-DU”.

O clipede “DDU-DU DDU-DU” é um dos mais vistos de todos os tempos. O vídeo levou só 50 horas e 27 minutos para que atingisse 50 milhões de visualizações.

That Mayhem Miller video

No seu lançamento no ano passado, seu EP “Square Up” se tornou o #1 em 44 países.

E este ano elas se tornarão o primeiro grupo de K-pop a tocar no Coachella. COACHELLA.

Coachella

Esta é, literalmente, a melhor coisa que aconteceu nos últimos 37 anos.

Trading Spouses

Agora, sobre suas coreografias e looks:

Existe uma música do BlackPink para cada ocasião.

Quando estou me sentido emotivo e dramático, escuto “Stay”.

Quando estou me sentido meio safado, escuto “Whistle”.

Quando estou nos últimos 3 minutos da esteira, escuto “Playing With Fire”.

E quando quero chutar o pau da barraca, ponho “BOOMBAYAH”.

Você pode ouvir outras músicas delas aqui:

Então é isso, eu basicamente fiz este post para manter o brasileiro responsável por suas ações em 2019. Não vamos deixar o BlackPink fracassar. 2019 é o ano delas.

Netflix

A tradução deste post (original em inglês) foi editada por Luísa Pessoa.