20 provas de que não existe "dar apenas uma passada" no happy hour

Chegando no bar: PAH, aquela maravilha de chope a preço de banana.

1. Tudo começa com você lá, de boa fingindo que ainda está trabalhando em uma.

2. Até que o coleguinha do escritório liga, ou manda um e-mail avisando sobre o happy hour no fim do expediente.

Publicidade

3. Você se controla, mas só até as quinze para as seis da tarde quando começa a agitar todo mundo pra ir pro bar.

youtube.com / Rede Globo

4. Só que quando dá seis em ponto começa a cair aquela chuva "pega peão" e toda sua energia vai embora.

Publicidade

5. Mas você já agitou todo mundo e não pode voltar atrás, então promete para você mesmo que vai só "dar uma passadinha".

6. Chegando no bar: PAH, aquela maravilha de chope a preço de banana.

Publicidade

7. Ou pior, chopes e drinks em dobro.

8. Só que essas promoções sempre têm hora pra acabar então você já pede tudo de monte.

Publicidade

9. E é brinde pra lá, brinde pra cá, a Lurdinha do RH contando piada, o Marcão da TI trançando as pernas.

10. Então você pede mais chope em dobro e o garçom avisa que já deu nove horas e a promoção está encerrada.

Publicidade

11. Mas aí o caldo já entornou e você continua bebendo.

12. E bebendo.

Publicidade

13. Até começar a sair do corpo.

14. E quando se dá conta, está zoando muito com seu chefe, a Lurdinha do RH e o Marcão da TI.

Publicidade

15. E a meia-noite vai chegando, o garçom começa a recolher as cadeiras em volta e alguém solta: mas já?

16. E de repente parece uma ótima pegar uma balada.

Publicidade

17. Mas só até tudo começar a girar.

18. E você já não ve mais sua chefe, a Lurdinha do RH ou o Marcão da TI e decide encerrar a noite (sem ter certeza de que não deu um vexame).

Publicidade

19. E pra garantir, chega na firma no dia seguinte bem do discretinho.

20. Mas só até a sexta-feira, quando você está pronto para fazer tudo de novo.

Publicidade

Veja também:

Publicidade

Veja também