13 livros para ler no Mês da Visibilidade Lésbica

"Elizabeth desembarcou no Rio para uma escala de dois dias. Encontrou Lota, e sua estadia se prolongou por 16 anos."

Esperamos que você goste dos produtos que recomendamos! O BuzzFeed pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página. Os preços informados e a quantidade disponível condizem com os do momento da publicação deste post.

1. "Orlando", por Virginia Woolf. –a partir de R$ 27,90

Amazon / Via amazon.com.br

"Nascido no seio de uma família de boa posição em plena Inglaterra elisabetana, Orlando acorda com um corpo feminino durante uma viagem à Turquia. Como é dotado de imortalidade, sua trajetória então atravessa mais de três séculos, ultrapassando as fronteiras físicas e emocionais entre os gêneros masculino e feminino.

Suas ambiguidades, temores, esperanças, reflexões - tudo é observado com inteligência e sensibilidade nesta narrativa que, publicada originalmente em 1928, permanece como uma das mais fecundas discussões sobre a sexualidade humana. A um só tempo cômico e lírico, 'Orlando' mostra o trajeto do personagem entre embates com armas brancas, acalorados debates filosóficos no século XVIII, a maternidade e até mesmo num volante a bordo de um automóvel.

Tudo isso vem costurado pela prosa luminosa de Woolf nesta que é uma das grandes declarações de amor da literatura ocidental."

Clique aqui para comprar.

Publicidade

2. "Mama: Um relato de maternidade homoafetiva", por Marcela Tiboni. –a partir de R$ 35,91

Amazon / Via amazon.com.br

"Uma noite, conversando no sofá, Marcela e Mel decidem ter filhos. Logo surge a dúvida: como um casal de mulheres faz para engravidar? Perdidas, resolvem pedir ajuda aos amigos no Facebook. Sustentando o desejo da gravidez sem pai, elas se colocam diante de muitas questões. Qual das duas vai engravidar, como funciona um banco de sêmen, como fica o registro de nascimento, a ausência de um pai pode prejudicar a criança? Pesquisadoras incansáveis, se informam, refletem e bancam cada uma de suas escolhas. Agora corajosamente compartilhadas neste livro.

Marcela Tiboni acredita no diálogo como forma de emancipação. Por isso escolheu viver a maternidade de forma aberta e inclusiva. Não há nada a esconder. Em seu primeiro livro, a autora rompe com o tabu que ainda hoje cerca o amor lésbico e a gravidez entre mulheres para contar a história de sua família. Ao amamentar seus filhos gêmeos, mesmo sem ter sido ela a mulher a gestar, Marcela literalmente peita, num perfeito equilíbrio entre força e delicadeza, os preconceitos e as intolerâncias da nossa sociedade."

Clique aqui para comprar.

3. "Um Exu em Nova York", por Cidinha da Silva. –a partir de R$ 17,90

Amazon / Via amazon.com.br

"Neste livro de contos, Cidinha da Silva apresenta uma perspectiva contemporânea e ficcional do cotidiano, sobre temas como política, crise ética, racismo religioso, perda generalizada de direitos (principalmente por parte das mulheres), negros e grupos LGBTI+. A autora considera que esses são marcadores importantes do século XXI e classifica a obra como um livro-dínamo.

Cidinha parte das tensões provocadas pela percepção das religiões de matrizes africanas para desmistificar ideias negativas que são difundidas sem critérios na sociedade. Através dos personagens, traz ainda outros temas contemporâneos, como por exemplo a nova masculinidade."

Clique aqui para comprar.

Publicidade

4. "Balada Para as Meninas Perdidas", por Vange Leonel. –R$ 41,79

Amazon / Via amazon.com.br

"Imagine se Peter Pan, Wendy e Sininho fossem lésbicas à solta na noite de uma metrópole, e a Terra do Nunca uma boate da moda cheia de meninas perdidas? Numa divertida releitura da clássica história, o livro de Vange Leonel retrata a cena clubber de jovens lésbicas modernas com toques de romance, música eletrônica, filosofia, fantasia e muito, muito sexo. Imperdível."

Clique aqui para comprar.

5. "A Cor Púrpura", por Alice Walker. –a partir de R$ 40,41

Amazon / Via amazon.com.br

"Um dos mais importantes títulos de toda a história da literatura, inspiração para a aclamada obra cinematográfica homônima dirigida por Steven Spielberg, o romance 'A Cor Púrpura' retrata a dura vida de Celie, uma mulher negra no sul dos Estados Unidos da primeira metade do século XX. Pobre e praticamente analfabeta, Celie foi abusada, física e psicologicamente, desde a infância pelo padrasto e depois pelo marido.

Um universo delicado, no entanto, é construído a partir das cartas que Celie escreve e das experiências de amizade e amor, sobretudo com a inesquecível Shug Avery. Apesar da dramaticidade de seu enredo, 'A Cor Púrpura' se mostra extremamente atual e nos faz refletir sobre as relações de amor, ódio e poder, em uma sociedade ainda marcada pelas desigualdades de gêneros, etnias e classes sociais."

Clique aqui para comprar.

Publicidade

6. "Na Ponta dos Dedos", por Sarah Waters. –a partir de R$ 37,90

Amazon / Via amazon.com.br

"Londres, segunda metade do século XIX. Sue Trinder, órfã de nascença, cresceu numa área degradada da cidade junto a uma família onde eram "todos mais ou menos ladrões". De uma hora para outra, no entanto, o destino de Sue se conecta ao de outra órfã. O livro foi adaptado para as telas em 2016 com o nome 'A Criada', com a história transposta para a Coréia do Sul durante a década de 1930. O filme foi dirigido por Park Chan-wook e concorreu à Palma de Ouro no Festival de Cannes.

Finalista do Man Booker Prize e do Orange Prize, 'Na Ponta dos Dedos' é um dos mais prestigiados livros da britânica Sarah Waters. Remetendo a Charles Dickens, Jane Austen e às irmãs Brontë, Waters cria, sob um olhar contemporâneo, um impactante romance vitoriano que congrega mistério, erotismo e reconstituição de época numa narrativa impecável.

Conduzindo o leitor, com bem-vindos sobressaltos, entre planos sombrios de realidade e aparência, a autora constrói seu texto com precisão técnica e domínio emocional, fornecendo cada informação de maneira precisa e no momento exato. E, embora o livro remeta, com muito estilo e propriedade, à literatura vitoriana, seu subtexto não poderia ser mais atual, abordando com liberdade questões de sexualidade, gênero e classe."

Clique aqui para comprar.

7. "Irmã Outsider: Ensaios e conferências", por Audre Lorde. –a partir de R$ 14,57

Amazon / Via amazon.com.br

"Audre Lorde é muitas e única. Mulher negra, poeta, lésbica e guerreira. Mãe e professora. Ativista e pensadora. Todas essas facetas coexistem em harmonia nos quinze ensaios de 'Irmã Outsider'', que dá sua contribuição como uma das mais importantes obras para o desenvolvimento de teorias feministas contemporâneas.

O pensamento de Lorde é profundamente enraizado na experiência de estar fora do que chamou de “norma mítica” – branca, heterossexual, magra. O olhar da outsider, deslocado, estrangeiro, é capaz de análises certeiras sobre a necessidade de agirmos para transformar a sociedade e nos propõe caminhos possíveis: saber quem somos e nos definirmos por meio das nossas palavras; reconhecer nas alianças uma força contra as estruturas desumanizantes do racismo e do machismo; compreender o erótico como um poder.

Neste livro, Lorde nos convida a enfrentar nossos medos e a quebrar silêncios. E examina uma ampla gama de tópicos, incluindo amor, guerra, imperialismo, brutalidade policial, construção de coalizão, violência contra as mulheres, feminismo negro e movimentos pela igualdade."

Clique aqui para comprar.

8. "Jamais Peço Desculpas Por Me Derramar: Poemas de temporal e mansidão", por Ryane Leão. –a partir de R$ 25,55

Amazon / Via amazon.com.br

"Segundo livro de Ryane Leão, mulher preta, poeta e professora, criadora da página 'onde jazz meu coração', com mais de 600 mil seguidores nas redes sociais. Seu primeiro livro, 'Tudo Nela Brilha e Queima', já vendeu mais de 40 mil exemplares.

'mesmo na correria, eu sigo em busca das sutilezas. não posso deixar as distrações passarem batidas. o peso do mundo não vai tomar conta de minha pele se eu me atentar às brechas, às margens. anteontem eu vi o mar. recebi abraços apertados que me agradeceram pelos poemas que escrevo com o coração na ponta dos dedos. hoje de manhã as folhas das árvores balançaram com o vento e o barulho foi tão bonito. daqui a pouco começo a cozinhar porque vou receber em casa as pessoas que amo. quero saber de cor o que me traz paz, embora não sejam permanentes as belezas. o caos também não é. e eu estou mudando a cada minuto, então tudo bem. há algo que resiste por entre os escudos, que me relembra que existe uma coisa essencial em ser uma mulher que se reconstrói diariamente: eu sou profunda demais pra acabar.'"

Clique aqui para comprar.

9. "Amora", por Natália Borges Polesso. –a partir de R$ 20,61

Amazon / Via amazon.com.br

"Seria pouco dizer que os contos de 'Amora' versam sobre relações homossexuais entre mulheres. Também estão aqui o maravilhamento, o estupor e o medo das descobertas. O encontro consigo mesmo, sobretudo quando ele ocorre fora dos padrões, pode trazer desafios ou tornar impossível seguir sem transformação. É necessário avançar, explorar o desconhecido, desestabilizar as estruturas para chegar, enfim, ao sossego de quem vive com honestidade."

Clique aqui para comprar.

10. "Rainhas Geek", por Jen Wilde. –a partir de R$ 18,87

Amazon / Via amazon.com.br

"Charlie é youtuber, atriz, bissexual... E uma das atrações principais da Supa Con, a convenção de cultura pop mais famosa do mundo. Essa é sua chance de mostrar aos fãs que superou seu término público com o ex-namorado Reese Ryan. O reencontro de Charlie e Reese deixa o clima pesado, mas quando a it girl Alyssa Huntington aparece como convidada surpresa no evento, o que Charlie pensava ser apenas um crush de internet se mostra muito real.

Melhor amiga de Charlie, Taylor quer ser invisível. Seu cérebro parece estar programado para funcionar de maneira diferente das outras pessoas e ela gosta de rotina e estabilidade. A única mudança que ela quer em sua vida é no status de sua amizade com Jamie, o que ela sabe que nunca acontecerá. Mas, ao ouvir sobre um concurso de cosplay de seu fandom favorito, Taylor começa a repensar até onde vai seu medo de se destacar."

Clique aqui para comprar.

11. "Conversas Entre Amigos", por Sally Rooney. –a partir de R$ 29,90

Amazon / Via amazon.com.br

"Frances, uma estudante de vinte e um anos que vive em Dublin, é escritora e apresenta em público suas peças de poesia com Bobbi, sua ex-namorada e melhor amiga. Ela é tímida, austera e distante; Bobbi é mais comunicativa e de fácil trato. Quando Melissa, uma notável fotógrafa e ensaísta, se aproxima de ambas para oferecer um perfil em uma renomada revista, elas aceitam com entusiasmo.

Enquanto o encanto de Bobbi por Melissa aumenta, Frances se aproxima pouco a pouco de Nick, o marido-ator não muito bem-sucedido, e a relação de poder que se estabelece entre os quatro se torna cada vez mais complexa.

Escrito com precisão e inteligência, 'Conversas Entre Amigos' é um relato impressionante das paixões e perigos da juventude. Neste romance de estreia, Sally Rooney consegue conciliar vulnerabilidade e força em um mundo que não tem nada de trivial."

Clique aqui para comprar.

12. "Vem Cá: Vamos conversar sobre a saúde sexual de lésbicas e bissexuais", por Larissa Darc. –a partir de R$ 34,90

Amazon / Via amazon.com.br

"É fácil ignorar o problema quando você está vivendo em sua bolha, provoca a letra de música na introdução deste livro. O problema, trazido à tona nas páginas seguintes, é o despreparo de nosso sistema de saúde, tanto público quanto privado, para oferecer assistência digna a mulheres lésbicas, bissexuais e homens trans. Uma pauta frequentemente ignorada por quem vive na bolha da cis-heteronormatividade.

Larissa Darc nos convida a uma conversa sobre os porquês da invisibilidade do tema. Ao escrever este livro, ela supera o desafio duplo de se colocar como parte do “problema”, enquanto mulher bissexual, e de abordar um assunto que é um grande tabu: o sexo entre vaginas (sim, é sexo mesmo!). Este livro é o resultado de uma investigação apaixonada feita por uma mulher que ama mulheres. A visibilidade é o fio condutor."

Clique aqui para comprar.

13. "Flores Raras e Banalíssimas: A história de Lota de Macedo Soares e Elizabeth Bishop", por Carmen L. Oliveira. –R$ 25,88 ou grátis para assinantes Kindle Unlimited

Amazon / Via amazon.com.br

"Em dezembro de 1951, Elizabeth Bishop desembarcou no Rio para uma escala de dois dias de uma longa viagem cujo objetivo era encontrar um sentido para sua vida em crise. Encontrou Lota de Macedo Soares, e sua estadia acabou se prolongando por 16 anos.

Em 'Flores Raras e Banalíssimas', Carmen L. Oliveira conta a história do relacionamento entre a poeta americana e a paisagista e urbanista brasileira. Assumindo a homossexualidade com surpreendente naturalidade para a época, Lota e Bishop viveram um irradiante e, muitas vezes, conturbado romance, sempre cercadas de figuras marcantes da arte e da política. Na casa de campo de Samambaia e no apartamento de Copacabana, Bishop escreveu boa parte de sua celebrada obra poética.

Enquanto isso, Lota lutava contra as forças burocráticas brasileiras para concretizar um velho sonho: construir o parque do Aterro do Flamengo, uma enorme área verde situada à beira da Baía de Guanabara. Obstinada com seus projetos profissionais, Lota pouco a pouco deixava Bishop cada vez mais solitária, magoada pela sensação de abandono.

O livro é o resultado de uma longa e cuidadosa pesquisa em arquivos da época, documentos inéditos, correspondências, poemas de Bishop, ofícios de Lota, diários, etc.; serviu de inspiração para o filme 'Flores Raras', de Bruno Barreto, estrelado por Glória Pires e Miranda Otto."

Clique aqui para comprar.