10 personagens que são sinônimo de afropaty

Hilary Banks, devemos tudo a você!

1. Hilary Banks ("Um Maluco no Pedaço").

Um montagem com três imagens de uma mulher negra, com cabelos cacheados. Na primeira ela veste um vestido Mondrian, na segunda ela veste um terno vermelho e saia preta, na terceira ela veste um vestido preto com mangas de tule.
Um montagem com três imagens de uma mulher negra, com cabelos cacheados. Na primeira ela veste um vestido Mondrian, na segunda ela veste um terno vermelho e saia preta, na terceira ela veste um vestido preto com mangas de tule.

NBC/Netflix

É claro que a lista tinha que começar com ela, a rainha das afropatricinhas. Hilary Banks era muito mais do que um ícone da moda, ela também se importava profundamente com o meio ambiente e o mundo ao seu redor.

Marca registrada: conjuntinhos de ternos e chapéus estilosos.

2. Dionne Davenport ("As Patricinhas de Beverly Hills").

Um montagem com três imagens de uma mulher negra, com tranças no cabelo. Na primeira ela veste uma saia preta e um top rosa, na segunda ela veste um conjunto de terno xadrez e chapéu. Na terceira foto ela veste um vestido bordô.
Um montagem com três imagens de uma mulher negra, com tranças no cabelo. Na primeira ela veste uma saia preta e um top rosa, na segunda ela veste um conjunto de terno xadrez e chapéu. Na terceira foto ela veste um vestido bordô.

Paramount Pictures

Hilary Banks andou para que Dionne pudesse correr. A mais estilosa das patricinhas de Beverly Hills se destacava pelas suas longas tranças nagô e paleta de cores impecável.

Marca registrada: mini saias, tranças, blusa cropped e piercing no nariz.

Publicidade

3. Ellen ("Cobras e Lagartos").

Uma mulher negra com um arranjo de cabeça feito de flores e estrelas brilhantes. Ela está segurando um drink em um copo de martini.
Uma mulher negra com um arranjo de cabeça feito de flores e estrelas brilhantes. Ela está segurando um drink em um copo de martini.

TV Globo

Uma vilã excêntrica do jeito que a gente gosta. Ellen era confiante e bastante soberba. Mas quando se tem beleza e inteligência fica difícil não se achar.

Marca registrada: jóias exageradas, casacos de pele e vestidos metálicos.

4. Vivian Banks ("Um Maluco no Pedaço").

Um montagem com três imagens de uma mulher negra de pele, cabelo curto escura e alta. Na primeira imagem ela veste um vestido de paetês rosa. Na segunda um vestido com estampa florida e na terceira uma blusa brilhante e saia lapis preta.
Um montagem com três imagens de uma mulher negra de pele, cabelo curto escura e alta. Na primeira imagem ela veste um vestido de paetês rosa. Na segunda um vestido com estampa florida e na terceira uma blusa brilhante e saia lapis preta.

NBC/Netflix

Ela tem classe e estilo. A primeira encarnação da tia Vivian foi o auge da estética afropaty com seu porte de bailarina, vestidos de cortes simples e elegantes e é claro: muito brilho. Não sei se já foi comprovado, mas tenho certeza que antes do casamento Vivian foi uma supermodelo.

Marca registrada: slip dress, acessórios brilhantes, paetê.

Publicidade

5. Helena ("Viver a Vida").

Um montagem com três imagens de uma mulher negra com cabelo cacheado. Na primeira ela usa uma camisa de cetim azul, na segunda um macacão de cetim verde militar e na terceira uma chamise amarela.
Um montagem com três imagens de uma mulher negra com cabelo cacheado. Na primeira ela usa uma camisa de cetim azul, na segunda um macacão de cetim verde militar e na terceira uma chamise amarela.

TV Globo

Nunca vou perdoar o Brasil pela injustiça que fizeram com Thaís Araújo e sua personagem maravilhosa. Helena era elegante e cheia força. Ela caiu? Sim. Mas nunca perdeu a classe.

Marca registrada: vestidos de cetim e chamise.

6. Coco Conners ("Cara Gente Branca").

Um montagem com três imagens de uma mulher negra. Na primeira ela tem o cabelo liso. Ela usa uma blusa bordô. Na segunda seu cabelo é afro e ela usa uma blusa preta e colar de pérolas. Na terceira fora ela está com o cabelo longo e liso e blusa preta.
Um montagem com três imagens de uma mulher negra. Na primeira ela tem o cabelo liso. Ela usa uma blusa bordô. Na segunda seu cabelo é afro e ela usa uma blusa preta e colar de pérolas. Na terceira fora ela está com o cabelo longo e liso e blusa preta.

Netflix

Coco é a mais pura energia da excelência preta. O seu estilo "preppy" representa como ela leva seus planos a sério e está disposta a entregar o melhor SEMPRE. Além disso, foi inspirador ver como sua relação com o cabelo foi evoluíndo durante os episódios, pois o cabelo crespo é o auge da elegância.

Marca registrada: pérolas, gola alta, saia lápis.

Publicidade

7. Michele Brau ("Mister Brau").

Um montagem com três imagens de uma mulher negra. Na primeira ela usa um macacão branco e acessórios étnicos. Na segunda ela usa um vestido azul e na terceira ela usa um vestido cinza brilhante.
Um montagem com três imagens de uma mulher negra. Na primeira ela usa um macacão branco e acessórios étnicos. Na segunda ela usa um vestido azul e na terceira ela usa um vestido cinza brilhante.

TV Globo/Estevam Avellar

Taís Araújo é a maior inspiração afropaty do Brasil! Por isso ela está aqui de novo. Como Michele Brau ela servia looks incríveis TODOS OS DIAS. Nos penteados, nas texturas, nas estampas e nos acessórios. Acima dela só a Beyoncé!

Marca registrada: estampas e acessórios étnicos, maxi dress.

8. Zoey Johnson ("Black-ish").

Um montagem com três imagens de uma mulher negra. Na primeira imagem ela usa uma blusa branca, calça rosa e gravata preta. Na segunda o seu cabelo afro tem detalhes com miçangas na franja e na segunda ela usa um moletom rosa.
Um montagem com três imagens de uma mulher negra. Na primeira imagem ela usa uma blusa branca, calça rosa e gravata preta. Na segunda o seu cabelo afro tem detalhes com miçangas na franja e na segunda ela usa um moletom rosa.

Freeform

Como é bom ver essa personagem crescer e conseguir seu próprio spin-off! Zoey é uma rainha versátil que sabe o poder que a mulher negra carrega. Seu estilo tem influências da sua mãe e de estrelas do seu tempo. Ela está constantemente experimentando com cores vibrantes, animal print e uma infinidade de texturas. O futuro está no caminho certo.

Marca registrada: box braids e mix 'n match de estampas.

Publicidade

9. Michaela Pratt ("How to Get Away with Murder").

Um montagem com três imagens de uma mulher negra. Na primeira ela usa um vestido verde escuro, na segunda ela usa um vestido florido e decotado, na terceira ela usa um  cardigan listrado.
Um montagem com três imagens de uma mulher negra. Na primeira ela usa um vestido verde escuro, na segunda ela usa um vestido florido e decotado, na terceira ela usa um  cardigan listrado.

ABC Studios/Shondaland

Outra rainha do estilo preppy! Seu estilo é uma forma de controle da sua imagem, uma habilidade essencial para a sua carreira. Ela exala feminilidade e força. Michaela está sempre impecável da cabeça aos pés.

Marca registrada: saia lápis, conjunto de ternos, cores sóbrias.

10. Zoë Saldaña ("Sob a Luz da Fama").

Um montagem com três imagens de uma mulher negra. Na primeira ela usa um vestido de decote quadrado com estampa de flores, na segunda ela usa um vestido de alça espagueti branco, na terceira ela usa um vestido branco de balé.
Um montagem com três imagens de uma mulher negra. Na primeira ela usa um vestido de decote quadrado com estampa de flores, na segunda ela usa um vestido de alça espagueti branco, na terceira ela usa um vestido branco de balé.

Columbia Pictures

A verdadeira estrela de "Sob a Luz da Fama" é na verdade a Eva Rodriguez. Neste filme, Zoë Saldaña é a afropaty dos anos 2000 que não aceita menos do que o melhor. Seja no estudio ou nem alguma festa com os amigos, ela sempre foi a imagem da elegância e diversão.

Marca registrada: slip dress, decotes quadrados e suéter bailarina.

Publicidade

Muitas vezes uma mulher negra precisa ser duas vezes melhor.

É verdade. Sempre houve uma pressão em ser excelente, perfeita. E muitas dessas personagens sofreram com isso.

Mas a estética afropaty, pra mim, representa uma forma de nos afirmar, amar e buscar o melhor que muitas vezes nos foi negado.

Por isso se você está me lendo, saiba que essa lista não é uma forma de te pressionar, você não precisa de corpo de bailarina e roupas caras para ser uma afropaty. Você só precisa saber que o seu valor é imenso e o seu potencial também.

Publicidade